77 3441-7081 — [email protected]

Polícia Rodoviária Federal fala sobre projeto “Trânsito Compartilhado” na Câmara Municipal de Vitória da Conquista

Por ASCOM/CMVC

 

Na Sessão Ordinária da quarta-feira, 25, da Câmara Municipal de Vitória da Conquista, o inspetor Ramalho, da Polícia Rodoviária Federal fez o uso da Tribuna Livre para apresentar ações que estão sendo desenvolvidas no sentido de diminuir o número de acidentes nas estradas e convidar os poderes legislativo e executivo para participar da discussão sobre o o Maio Amarelo.

Segundo Ramalho, a PRF tem como compromisso reduzir em 50% o número de acidentes das rodovias até 2020. Ele explica que esse compromisso foi assinado em 2010 pelo Governo Federal e a Organizações das Nações Unidas (ONU). “Começamos reforçando o policiamento nas áreas que aconteciam  mais acidentes. Mas eles passaram a acontecer em outros lugares. Então entendemos que era preciso a inserção de ações de Educação no Trânsito, e já temos resultados positivos. Na BR-104 houve a redução de 60%”, conta.

Maio Amarelo – O policial formalizou o convite aos poderes Executivo e Legislativo para participar da reunião sobre o Maio Amarelo que acontecerá no dia 04 de maio, em Salvador. A proposta é que as cidades criem a Semana Municipal do Trânsito, em data diferente da nacional, “para assim discutir e planejar ações pertinentes ao município” , explica.

Ele reforça a necessidade da ação, apontando que os acidentes de trânsito causam para toda a comunidade um impacto de cerca de R$ 500 mil. “ Isso com a ocupação de leitos de Hospitais, impactos da Previdência, vacância nos trabalhos”, informa. “ Mas ações simples e colegiadas do município, Estado e Governo Federal podem apresentar resultados significativos”, defende.

Representando a Bancada de Situação, o vereador David Salomão (PRTB,) destacou a importância de uma atuação policial pautava pela prevenção e parabenizou a Polícia Rodoviária Federal (PRF), pela realização do Programa Trânsito Compartilhado. “Parabéns aos bravos guerreiros da Polícia Rodoviária Federal”, congratulou ele. “Um trânsito em condição segura é direito de todo cidadão”, completou.

David Salomão aproveitou a oportunidade e criticou as constantes “Blitzes do IPVA” realizadas em Vitória da Conquista, apreendendo veículos cujo licenciamento anual esteja em atraso. “Não é tirando do bolso do contribuinte que você vai educar”, disse ele apontando que a prática é um modelo de atuação equivocado.

Para o vereador Valdemir Dias (PT), Líder da Bancada de Oposição, a regionalização da campanha é bem vida porque leva em consideração as características do trânsito de cada localidade e seus problemas. Valdemir frisou que a Educação e prevenção são os melhores caminhos para o enfrentamento ao índice alto de acidentes no trânsito. Ele lembrou que, no Brasil, o trânsito mata mais que guerras civis de alguns países. O líder da Oposição ainda frisou que outro problema a ser enfrentado é o não cumprimento de ações pela Viabahia [concessionária que administra o trecho da BR-116 que corta o município], situação que impacta o trânsito nos arredores da cidade. O tema é recorrente da Casa e Valdemir espera que o Consorcio passe a cumprir os acordos.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,