77 3441-7081 — [email protected]

Percival Puggina

Percival Puggina

Percival Puggina (69) é arquiteto, empresário, escritor, titular do site www.puggina.org, colunista de Zero Hora e de dezenas de jornais e sites no país, autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia e Pombas e Gaviões, integrante do grupo Pensar+ e membro da Academia Rio-Grandense de Letras

Pode o STF mandar o congresso votar?

Por Percival Puggina / 18 de fevereiro de 2019 / Nenhum comentário

O decano do STF falou, falou, falou. Disse que não se nasce mulher, mas “torna-se mulher”. Com essa monumental tolice, firmou sua aderência à ideologia de gênero e cuspiu fogo em quem pensa diferente. Quando muitos, já caindo a noite, creram que ele iria concluir, o ministro anunciou estar ainda (mais…)

Leia Mais

Pelo fim da PEC da Bengala

Por Percival Puggina / 15 de fevereiro de 2019 / Nenhum comentário

Num vídeo, vejo o atual presidente do STF, em palestra realizada no ano de 2014, discorrendo com enorme naturalidade sobre um crime de supressão de documentos ocorrido sob suas barbas. Na TV, fico sabendo que, sob múltiplos apelos, a CPI Lava Toga foi morar no arquivo do Senado. Nas redes (mais…)

Leia Mais

Trotsky, por que os comunistas detestam o filme?

Por Percival Puggina / 12 de fevereiro de 2019 / Nenhum comentário

Assisti aos oito capítulos da série do Netflix sobre Trotsky sabendo que se tratava da adaptação de uma obra literária e que, portanto, não era rigorosamente histórica quanto aos fatos, frases e condutas. Meu interesse fixou-se no notável desempenho do ator russo Konstantin Khabenskiy e na singularidade de uma narrativa (mais…)

Leia Mais

O luxuoso berçário da miséria

Por Percival Puggina / 6 de fevereiro de 2019 / Nenhum comentário

“Quanto mais te cavo, e em ti me aprofundo, mais descubro que em ti não há fundo”. Henrik Ibsen.   O que pode ser muito pior do que a corrupção, esse câncer financeiro e moral que tanto dano causa ao país? Que obra nefasta sepulta mais oportunidades, desemprega mais, afasta maior (mais…)

Leia Mais

Renan Calheiros e a velha política

Por Percival Puggina / 4 de fevereiro de 2019 / Nenhum comentário

A candidatura de Renan Calheiros começou a ruir na sexta-feira (01/02), quando o jovem presidente da sessão preliminar submeteu à deliberação do plenário o voto aberto.  Dos 52 votantes, apenas dois foram favoráveis ao voto secreto. Onde estavam os demais 29 senadores? Viu-se ali que o candidato do MDB teria no (mais…)

Leia Mais

A esquerda e os militares no governo

Por Percival Puggina / 29 de janeiro de 2019 / Nenhum comentário

No Brasil, com aquela presunçosa superioridade moral que desaba quando confrontada com o passado e o presente, a esquerda brasileira costuma se apresentar como isenta de todo preconceito. Seus militantes se proclamam dotados de uma alma acolhedora, expressa num par de braços abertos à humanidade. Porém, quando essas virtudes são (mais…)

Leia Mais

Por falar em Deus

Por Percival Puggina / 17 de janeiro de 2019 / Nenhum comentário

Você nem se deu conta, mas no breve espaço de sua geração, Deus sumiu do vocabulário corrente no outrora Ocidente cristão e este artigo se torna, digamos assim, fora das expectativas. Junto com o vocábulo, decresceu, também, o persignar-se, o ajoelhar-se, a frequência à missa ou culto, os símbolos religiosos, (mais…)

Leia Mais

Renan não!

Por Percival Puggina / 14 de janeiro de 2019 / Nenhum comentário

Só um profundo respeito aos leitores, à democracia e à manifestação da vontade popular expressa no silêncio da urna – seja qual urna for – impede que este artigo inicie com impropérios. Confesso: vontade não faltou. Enfim, Renan Calheiros voltou ao Senado da República e, tão logo renovou o mandato, (mais…)

Leia Mais

A reserva dos derrotados

Por Percival Puggina / 10 de janeiro de 2019 / Nenhum comentário

Claro que há muita burrice e rabugice no que tantos profissionais da comunicação vêm escrevendo e dizendo. Assim como o uso do cachimbo entorta a boca, o hábito de falar sozinho sem ser contestado desenvolve deformações políticas. E faz carreira nos totalitarismos. Não podemos esquecer que em todas as eleições (mais…)

Leia Mais

Eleger Bolsonoro foi bom, mas não basta.

Por Percival Puggina / 31 de dezembro de 2018 / Nenhum comentário

Escrevo a 48 horas da posse do novo presidente da República. Pela primeira vez, desde a eleição para a Constituinte de 1985, quando o país começou a ser redesenhado com mãos radicais, teremos um governo conservador e liberal.  Foram 33 anos de consistente e persistente destruição dos fundamentos de uma nação (mais…)

Leia Mais