Psicóloga Camilla Alvarenga fala sobre Saúde Mental de crianças e adolescentes

Por ANNA BÁRBARA ALMEIDA

jornalismo@jornaldosudoeste.com

 

Com o tema “A Vida pede Equilíbrio”, a campanha Janeiro Branco 2023 promete promover uma reflexão sobre como as pessoas têm vivido os seus dias e alertar sobre a importância de cuidar da Saúde Mental. Mas, reforçam os Psicólogos, não são apenas os adultos que precisam desses cuidado, crianças e adolescentes também necessitam de atenção quanto às necessidades emocionais.

O Cérebro humano está em constante evolução e a infância é uma fase decisiva para o desenvolvimento cerebral. Os primeiros momentos da vida de uma criança têm repercussões que podem durar a vida toda. Por isso, é importante cuidar da Saúde Mental desde cedo. É o que afirma a Psicóloga brumadense Camilla Alvarenga Pereira Borborema, que é Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental e em Psicologia e o Desenvolvimento Infantil.

Foto (psicóloga): A Psicóloga Camilla Alvarenga Pereira Borborema alerta para o prejuízo o causado a Saúde Mental e Emocional de crianças pela inserção cada vez mais cedo nas redes sociais. (Foto: Evandro Maciel).

A Psicóloga reforça que a Saúde Mental de crianças e adolescentes tem sido altamente negligenciada, critica a falta de acesso a serviços especializados e deixa claro a importância do diagnóstico precoce e correto para que se possa minimizar os prejuízos e que tenhamos uma população mais saudável no futuro. E acrescenta, destacando, que o diagnóstico sempre deve ser realizado por um profissional capacitado. “Às vezes nós, enquanto pais, precisamos identificar as nossas limitações e estar disposto a buscar uma ajuda psicológica e até mesmo psiquiátrica”, pontua Camilla Alvarenga.

Confira os principais trechos da entrevista:

JORNAL DO SUDOESTE: Em 2021, a Sociedade Brasileira de Pediatria incluiu o tema da Saúde Mental entre crianças e jovens no Tratado de Pediatria e, no mesmo ano, o Fundo das Nações Unidas para a Infância – Unicef – também publicou relatório sobre o tema. O que isso indica? A Saúde Mental de crianças e jovens está se degradando ou esse é um tema que vinha sendo negligenciado?

CAMILLA ALVARENGA: Eu acredito que esse tema, de fato, pode ter acontecido negligência, porque se fala pouco sobre esse tipo de acontecimento, mas ao mesmo tempo vem se agravando, principalmente pela pandemia. A gente teve um processo onde os jovens acabaram se isolando, por conta da pandemia, nesse período de dois anos que se estendeu e é nítido esse agravamento, então foi percebido com maior frequência esse adoecimento emocional, desses adolesceste e crianças.

JS: Quando afirmamos que Saúde Mental de jovens e crianças requer atenção, estamos falando do que especificamente? Que tipo de transtornos acometem essas pessoas?

CAMILLA ALVARENGA: Geralmente, percebemos que as principais questões relacionadas aos problemas e aos Transtornos Emocionais que acontecem na infância, estão relacionados, primeiro ao âmbito familiar, que é o local onde a criança está inserida, e isso tem uma relação porque, é a maneira como a criança vivencia todas as experiências, onde começa a desenvolver as conexões neurológicas que vai ser crucial para uma Saúde Emocional e consequentemente física, equilibrada. Então, o ambiente familiar interfere nesse processo, como também o ambiente escolar. E um dos principais fatores que pode acometer a criança a desenvolver algum tipo de Transtorno Emocional, além de violências e questões familiares, também está relacionada ao âmbito familiar, que é quando a criança começa a sofrer Bullying, acaba sendo negligenciada de alguma forma, as vezes acontece de ser destratada. Tem também o fator que são as redes sociais, onde as crianças estão inseridas cada vez mais cedo. A tecnologia, que acaba gerando um prejuízo a Saúde Mental e Emocional dessas crianças.

CONFIRA A MATÉRIA COMPLETA NA EDIÇÃO 714 DO JS ATRAVÉS DO LINK: https://www.jornaldosudoeste.com/jornal-digital-edicao-714/

Jornal do Sudoeste

Materias Recentes

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,