600 famílias atendidas pelo Neojiba recebem cestas básicas doadas pela ONG Sooder Maria

Por Ascom/ Neojiba

“A pandemia trouxe dificuldades para muitas famílias, inclusive para mim, que sou mãe e pai. Essa cesta vai ajudar bastante nesse momento excepcional. Eu só tenho a agradecer”, conta Itajaira Conceição dos Santos, mãe de Cleyton, 11, e Yasmin, 9, integrantes do NEOJIBA. Na manhã desta terça-feira (6/7), eles foram uma das 600 famílias a receberem doações da ONG Sooder Maria, fundada na Suíça e que hoje tem duas sedes fixas, uma em Zurique, na Suíça, e outra no Brasil, em Caucaia, no Ceará.

Além das cestas básicas,  a entidade não-governamental também doou brinquedos e guloseimas para os integrantes do programa. Um caminhão carregado com as doações partiu no último domingo, 4, do Ceará. A distribuição começou nesta terça, 6, no Parque do Queimado, sede do NEOJIBA, em Salvador. Ao longo da semana, o caminhão seguirá para os núcleos de Feira de Santana, nesta quarta-feira, 7; Jequié, na quinta, 8; e Vitória da Conquista, na próxima sexta-feira, 9.

Anísio Silva, vice-presidente da ONG, fez questão de participar da entrega das doações. “Hoje estamos aqui na Bahia trazendo alimento, bastante guloseimas e brinquedos para as crianças. O nosso sentimento é de gratidão pelo trabalho que o NEOJIBA desenvolve, transformando a vida de crianças, adolescentes e jovens”.

Maurício Leal, pai de Matheus, que toca violoncelo na Orquestra Pedagógica Experimental (OPE), também esteve nesta terça no Parque para receber a cesta básica e os brinquedos. “A minha família é grande, tem os tios, tias, irmãos… Tudo está muito caro e o momento é de dificuldade. Então essa ajuda é muito bem-vinda”, conta. Matheus está com 11 anos e chegou ao NEOJIBA aos 6. É difícil dizer qual dos dois é mais fã do programa. “Acho que me apaixonei mais do que ele”, ri Maurício. “Sou super fã do NEOJIBA. Gosto de ver as conquistas, as mudanças, as evoluções dele em cada instrumento”.

No fim da manhã, a comitiva da ONG pôde acompanhar um trechinho do ensaio da Orquestra 2 de Julho, com regência do maestro Ricardo Castro, fundador e diretor-geral do NEOJIBA. Ricardo foi surpreendido com a entrega do Troféu Sooder Maria, pelo trabalho que o programa desenvolve há 13 anos e que já beneficiou mais de 10 mil crianças, adolescentes e jovens baianos. O maestro agradeceu pelo troféu e pela ação de solidariedade. “Hoje é a realização dessa primeira parceria. Espero que seja a primeira de muitas, e que mais organizações e empresas se inspirem para nos ajudar a diminuir as dificuldades vividas pelas famílias”.

As doações da ONG Sooder Maria fortalecem a campanha NEOJIBA Solidário, lançada em abril para ajudar  famílias dos integrantes e a população vulnerável que vive no entorno dos nossos 13 núcleos do programa em Salvador e no interior da Bahia. Ao todo, mais de 900 cestas básicas foram distribuídas, além de materiais de higiene pessoal fornecidos pela OL Papeis, empresa parceira do NEOJIBA. Qualquer pessoa pode contribuir para alimentar vidas e sonhos:

Chave PIX: 10.490.525/0001-06

Depósito em conta:

Instituto de Desenvolvimento Social pela Música – IDSM

CNPJ: 10.490.525/0001-06

Bradesco (237)

AG: 3072-4

CC: 535720-9

Sobre o NEOJIBA:

Criado em 2007, o NEOJIBA (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia) promove o desenvolvimento e integração social prioritariamente de crianças, adolescentes e jovens em situações de vulnerabilidade, por meio do ensino e da prática musical coletivos. O programa é mantido pelo Governo do Estado da Bahia, vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, e gerido pelo Instituto de Desenvolvimento Social Pela Música. Em 13 anos, o NEOJIBA atendeu, direta e indiretamente, mais de 10 mil crianças, adolescentes e jovens entre 6 e 29 anos.

Foto de Capa: Secom/ PMJ.

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,