77 3441-7081 — [email protected]

Após campanha de outubro rosa, procura por mamografia aumenta; método mais eficaz se destaca entre as brasileiras

Especialista dá dicas para as mulheres que ainda não realizaram o exame e tira dúvidas sobre a mamografia digital, método mais eficaz no diagnóstico do câncer de mama

 

Por Andrea Camilo

 

O Outubro Rosa passou e com isso muitas mulheres se conscientizaram sobre a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Segundo levantamento da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde de Jundiaí – interior de SP, a procura pelo agendamento do exame cresceu 70% – comparado com o mesmo período do ano passado.

Mesmo com o crescimento no número dos exames, especialistas alertam a importância da realização da mamografia e apontam que muitas mulheres deixam de fazer o check-up anual por medo do resultado e até por considerarem o exame como desconfortável e doloroso.“O câncer de mama pode ocorrer em mulheres e, raramente, em homens. Para o Brasil, estimam-se cerca de 60 mil novos casos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019. Com isso, cada vez mais a prevenção se torna algo fundamental, já que o diagnóstico precoce leva à cura em 95% dos casos”, explica a Dra. Vivian – médica radiologista especialista no diagnóstico de câncer de mama do CDB Premium.

A especialista listou algumas dicas de como deixar o exame mais confortável e tira dúvidas sobre a mamografia digital, exame mais eficaz no diagnóstico de câncer de mama.

Agende a mamografia uma semana após o final da menstruação

A mamografia deve ser realizada na segunda ou terceira semana após o final da menstruação para diminuir as possíveis dores e desconfortos. “Com isso, a mama estará menos sensível e nesse período há menor densidade do tecido glandular das mamas, fazendo com que o exame seja mais detalhado e menos dolorido”, explica.

Controle a ansiedade e tente relaxar

No momento do exame a paciente tem que relaxar e deixar que o profissional a posicione da melhor forma. O posicionamento adequado das mamas no aparelho é super importante para que a glândula seja examinada com maior eficácia.

Na consulta, leve exames anteriores

As pacientes não podem esquecer de levar seus exames realizados anteriormente para mostrar ao médico. Com as mamografias antigas os especialistas conseguem fazer uma comparação e identificam se uma lesão é nova ou não.

Opte por exames mais modernos e eficazes

A mamografia 3D ou digital é um método já disponível em diversas clínicas do Brasil e até em algumas unidades atendidas pelo SUS. O procedimento é mais rápido e simples, e traz mais comodidade para as pacientes. É realizada de forma semelhante à mamografia tradicional e tem como principal objetivo diagnosticar precocemente o câncer de mama. Quando comparada com a mamografia tradicional, a 3D mostra mais detalhadamente as mamas, com dose de radiação semelhante.

Segundo estudo publicado no Journal of the American Medical Association (Jama) a mamografia 3D é mais eficaz para diagnosticar o câncer de mama e o método reduz o número de exames adicionais (falsos positivos) em 15% e aumenta a detecção da doença em 41%.

Jornal do Sudoeste

Categorias