Arte e cultura recebem apoio de Waldenor e Zé Raimundo

Por: joana d’arck cunha santos

Destaque de reportagem recente da TV UESB, intitulada “O poder transformador da música”, os jovens cantores e compositores Anderson Portugal e Naiala são exemplos de como a arte pode ter efeito curativo e transformador. No caso dele, a música o ajudou a  superar uma depressão; enquanto ela enfrentou a síndrome de Tourette – distúrbio neuropsiquiátrico caracterizado por tiques múltiplos, motores ou vocais.
Anderson e Naiala ganharam projeção no I Festival Virtual de Música Estudantil do Sudoeste Baiano – Musicante Sudoeste, uma iniciativa do Núcleo Territorial de Educação – NTE 20, realizado com recursos de emendas parlamentares dos mandatos de Zé Raimundo, deputado estadual, e Waldenor Pereira, deputado federal.
Para o deputado, professor e ex-prefeito Zé Raimundo, iniciativas como o Festival Musicantes são excelentes oportunidades para estimular a sociabilidade e a criatividade entre os jovens e ampliar os espaços para revelação de novos valores na área musical. “É um terreno criativo de trocas e convivência justamente em um momento de retorno gradativo à normalidade da vida social. Vendo agora o efeito tão positivo sobre esses jovens, a gente só pode ficar feliz e mais estimulado para apoiar  essas ações”.
Também defensor da arte como “meio transformador da sociedade e, por isso mesmo, merece toda a atenção e empenho dos poderes e agentes públicos”,  Waldenor Pereira, vem trilhando por esse caminho desde quando foi reitor da UESB e promoveu, em seus dois mandatos, várias iniciativas culturais na universidade.

Os dois deputados vem expandindo esse apoio cultural, com recursos de emendas parlamentares ao Núcleo do Neojiba em Vitória da Conquista – propondo, inclusive, a implantação de outros núcleos do projeto no interior, como o de Caetité. Eles investem também na realização do programa “Concertão”, que a partir de abril vai permitir a apresentação da Orquestra Sinfônica, sob a regência do maestro João Omar, em 20 municípios.
É uma vasta lista de iniciativas dos deputados Waldenor Pereira e Zé Raimundo no incentivo às manifestações culturais, dentre as quais o apoio financeiro ao Festival de Cenas Curtas, da Universidade Estadual do Sudoeste; e exposições de artistas plásticos, como a de Sílvio Jessé, que fica até o dia 12 no Centro Cultural Camilo de Jesus, intitulada “Sertão Colorido Quanto Preto e Branco”,  em que Jessé  faz um recorte da vasta obra do fotógrafo Evandro Teixeira. Isto, sem falar no estímulo à realização de feiras literárias de municípios baianos, com destaque para a Feira Literária de Mucugê-Fligê.

Foto de Capa: Divulgação

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,