ASMA: Quando suspeitar desse problema?

Você conhece alguém que tem suspeita de asma? Sabe quando suspeitar desse problema? Como saber se a asma é grave? Neste episódio o Dr. Frederico Leon dará mais detalhes sobre o assunto

 

 

Por: Agência Brasil 61

 

A asma é causada pela inflamação dos pequenos tubos, chamados brônquios, que transportam o ar para dentro e para fora dos pulmões.

Se você tem asma, os brônquios ficam inflamados e mais sensíveis do que o normal.

Quando você entra em contato com algo que irrita seus pulmões – conhecido como gatilho – suas vias respiratórias, principalmente esses brônquios, se estreitam, os músculos ao redor deles se contraem e há um aumento na produção de catarro. Com a tubulação que conduz o ar para dentro e para fora mais fina e com catarro surgem os sintomas que falei.

Os sintomas de asma vêm em crises. Essas crises são causadas por infecções virais, irritantes como produtos de limpeza e tudo que tenha cheiro forte, alérgenos como pólen, poeira, ácaros, pelos de animais, algumas medicações e até stress emocional e exercício.

Os principais sintomas são a tosse ou crises de tosse geralmente seca, irritativa, mas pode ter catarro também, falta de ar que pode ocorrer no repouso, durante ou após atividade física. É comum ter também dificuldade para respirar. Com fome de ar e sensação de que o ar não entra.  Essa sensação pode parecer um aperto no peito.

Na crise de asma pode aparecer o chiado no peito. Os asmáticos costumam descrever como uma sensação de que tem um gatinho ou apito dentro do peito.

Não precisa ter todos os sintomas. Algumas vezes a tosse é o único sintoma. Outros asmáticos tem só falta de ar ou aperto no peito!

O diagnóstico de asma é feito pela avaliação dos sintomas e do exame físico. Geralmente são solicitados alguns exames para avaliar como está a o pulmão.

O principal exame é a espirometria. Conhecido como teste de sopro. Esse exame avalia como estão os pulmões e se os brônquios estão apertados causando resistência à saída e entrada de ar.

São importantes, também, a radiografia de tórax. Na asma é normal. Mas serve para excluir alguma outra doença pulmonar que tenha sintomas semelhantes e a avaliação de perfil alérgico.

Como saber se a sua asma e grave ou leve? Qual a importância disso?

Asma tem um enorme espectro de gravidade. Pode ser leve com sintomas apenas de vez em quando. Moderada com sintomas quase todo dia e a asma grave que tem sintomas o dia todo!

Uma vez feito o diagnóstico e estabelecido se a sua asma é leve, moderada ou grave conseguimos estabelecer o melhor tratamento para o seu caso que envolve medicações e medidas de prevenção para que você evite o contato com esses agentes alérgenos.

Foto da capa: Dr. Ajuda. Reprodução/YouTube

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,