Skip to content
77 3441-7081 — [email protected]

José de Paiva Netto

José de Paiva Netto

José de Paiva Netto é jornalista, radialista e escritor. [email protected] - www.boavontade.com

Pegar do tormento e alavancar a coragem

Por José de Paiva Netto / 6 de dezembro de 2019 /

Em Jesus, a Dor e a origem de Sua Autoridade — O Poder do Cristo em nós (2014), destaquei que, ao escrever esse livro, meu intuito foi o de mostrar aos prezados leitores que a Dor nos fortalece e nos instrui a vencer todos os obstáculos, por piores que sejam. Por isso, suicidar-se é um (mais…)

Leia Mais

Boa ação voluntária

Por José de Paiva Netto / 3 de dezembro de 2019 /

Quando há Amor Fraterno, incontrastável empenho e consagrada competência, que se desenvolve com labor e zelo — desde a fixação de um simples prego na madeira (creia no seu valor próprio!) —, não existem limites para o alicerce de um mundo melhor. Medeiros e Albuquerque (1867-1934), jornalista, professor, político e abolicionista (mais…)

Leia Mais

Desmascarando o anti-Cristo

Por José de Paiva Netto / 27 de novembro de 2019 /

Na série radiofônica “Evangelho Unificado de Jesus” — que levei ao ar na Super Rede Boa Vontade de Rádio, na década de 1990 —, defendo o meu ponto de vista quanto à verdadeira face do anti-Cristo. Em determinado momento da palestra, feita ao vivo e de improviso, destaquei: O que (mais…)

Leia Mais

Desmascarando o anti-Cristo

Por José de Paiva Netto / 22 de novembro de 2019 /

Na série radiofônica “Evangelho Unificado de Jesus” — que levei ao ar na Super Rede Boa Vontade de Rádio, na década de 1990 —, defendo o meu ponto de vista quanto à verdadeira face do anti-Cristo. Em determinado momento da palestra, feita ao vivo e de improviso, destaquei: O que (mais…)

Leia Mais

À espera de um ponto final

Por José de Paiva Netto / 19 de novembro de 2019 /

Não há como fugir do tema étnico. Contudo, devemos enfrentar os nossos desafios, analisando com muita parcimônia as diferenças culturais existentes em cada nação no que tange aos conflitos raciais. Vejamos o exemplo dos Estados Unidos: primeiro, é preciso conhecer um pouco do passado recente norte-americano para perceber que lá a cor (mais…)

Leia Mais

Espírito, cérebro e comando

Por José de Paiva Netto / 23 de outubro de 2019 /

Ao longo das décadas, tenho defendido na imprensa brasileira e do exterior que, aos poucos, a criatura humana vai aumentando a consciência de que a continuidade da vida após a “morte” não é um conceito que interessa apenas aos que professam alguma crença religiosa ou filosófica, mas é objeto de (mais…)

Leia Mais

Jesus, Nicodemos e a indesmentível eternidade da Vida

Por José de Paiva Netto / 16 de outubro de 2019 /

Do terceiro volume das Sagradas Diretrizes Espirituais da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo (1991), apresento resumo do marcante colóquio entre Jesus e Nicodemos: João Evangelista relata, no capítulo terceiro de seus registros evangélicos, o fato de que, certa feita, na calada da noite, Nicodemos foi visitar o Sublime (mais…)

Leia Mais

A virtude da temperança

Por José de Paiva Netto / 7 de outubro de 2019 /

Não haverá Paz duradoura enquanto prevalecerem privilégios injustificáveis, que desonram a condição humana, pela ausência de Solidariedade, que deve iluminar homens e povos. Escreveu Pierre-Joseph Proudhon (1809-1865): “A paz obtida com a ponta de uma espada não passa de uma simples trégua”. Por isso, nestes milênios de “civilização”, milhões morreram (mais…)

Leia Mais

O Amor é o Elo Achado

Por José de Paiva Netto / 20 de setembro de 2019 /

O Amor é a suprema definição da Divindade. É o elo perdido que a criatura busca na imensidão do estudo científico, que, para mais rapidamente progredir no âmbito social, tem de irmanar-se à Fé sem fanatismos, a fim de encontrar esse elo. Há tanto tempo considero que a Ciência (cérebro, (mais…)

Leia Mais

Segurança em Deus

Por José de Paiva Netto / 9 de setembro de 2019 /

Permaneceremos seguros onde e sempre que estivermos com Deus. O Pai Celestial é o Divino Sentimento de Caridade, que alimenta e nutre a nossa existência. Em seu “Discurso no Colégio Anchieta” (1903), grafou Rui Barbosa: — Deus é a necessidade das necessidades, Deus é a chave inevitável do Universo, Deus é a (mais…)

Leia Mais
Scroll To Top