Brasil aumenta em 77,1% a geração eólica e em 18,6% o consumo de etanol em 2015

O País aumentou a produção e o consumo de energia limpa em 2015, informou a Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Houve crescimento de 77,1% na geração de energia eólica no ano passado além de um avanço de 18,6% no consumo de etanol. Já o consumo de gasolina caiu 9,5%. Os dados são do Relatório Síntese do Balanço Energético Nacional – BEN, Edição 2016, que apresenta detalhes da oferta, transformação e consumo final de produtos energéticos no Brasil. A oferta interna de energia – total de energia disponibilizada no País – atingiu 299,2 milhões de toneladas equivalentes de petróleo (Mtep) no ano passado, o equivalente a uma redução de 2 1% em relação ao ano anterior. Parte da queda foi puxada pela oferta interna de petróleo e derivados, que encolheu 7,2% em consequência do superávit nos fluxos de exportação e importação dessas fontes energéticas. A EPE ressalta ainda que a redução da oferta interna bruta de energia também teve contribuição do enfraquecimento da atividade econômica: o PIB brasileiro teve retração de 3,8% em 2015, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No caso da eletricidade, a participação de renováveis na matriz elétrica brasileira avançou de 74,6% em 2014 para 75,5% em 2015. O resultado é consequência da queda na geração térmica a base de derivados de petróleo e do aumento da geração a base de biomassa e eólica, o que compensou a redução de 3,2% verificada na energia hidráulica. A oferta interna de energia elétrica caiu 8,4 TWh em 2015, -1,3% em relação a 2014. A geração eólica atingiu 21,6 TWh (crescimento de 77,1%), ultrapassando a geração nuclear no ano. A potência eólica atingiu 7.633 MW, expansão de 56,2%.

Redacão Jornal do Sudoeste

Redacão Jornal do Sudoeste

Desde seu lançamento, o JS vem revolucionando a imprensa regional. Foi e continua sendo pioneiro na adoção de cores em todas as suas páginas e no lançamento de suplementos especiais que extrapolam o simples apelo comercial, envolvendo a comunidade em reflexões sobre temas de interesse geral por ocasião do Natal e dos aniversários de emancipação de municípios da sua área de abrangência de circulação.
Categorias