Confira cinco dicas para as empresas evitarem problemas na operação durante a Black Friday

Especialista da FindUP mostra como ações preditivas ajudam a alavancar as vendas nas datas comerciais mais importantes do varejo

Por: Rafael Nunes

O segundo semestre é marcado por datas comemorativas que atraem um maior movimento no comércio varejista. Uma das principais é a Black Friday, na qual 50% dos brasileiros devem fazer compras, índice 3% superior em relação a 2021, segundo pesquisa realizada pela Globo com 2 mil pessoas. Até por conta dessas expectativas positivas, as ações preditivas por parte do varejo são essenciais para manterem o perfeito funcionamento dos equipamentos ao longo de todo o período

Segundo Fábio Freire, CEO e fundador da FindUP, startup pioneira no país em field service ou atendimento presencial na área de TI, tanto as marcas que efetuam vendas físicas como de forma online precisam desse tipo de atenção. “Na ponta do lápis, as ações preditivas culminam em um melhor atendimento ao consumidor por evitar transtornos como, por exemplo, filas ocasionadas pela paralisação do sistema de pagamento. Além disso, esse tipo de ação ajuda a reduzir em até 50% os custos operacionais de uma loja”, afirma.

Para auxiliar as marcas a não suspenderem as suas vendas por nem sequer um minuto na Black Friday, a FindUP traz cinco ações preditivas para escapar de problemas relacionados à tecnologia. Confira:

  1. Verificação de infraestrutura e equipamentos

O primeiro passo para uma loja garantir uma Black Friday bem-sucedida é verificar toda a sua infraestrutura e equipamentos de TI previamente, para que não haja interrupções inesperadas ao longo do evento. “É essencial checar qualquer condição de atenção que sistemas e máquinas possam ter, como ruídos, lentidão, avarias e outros itens de análise”, explica Freire.

  1. Técnico alocado 

Manter um profissional alocado, ou mesmo uma equipe, nas unidades de distribuição ou PDVs é importante para solucionar com agilidade qualquer problema que surgir e, assim, evitar perdas significativas por conta da paralisação de algum sistema. Em 2021, a FindUP atendeu uma das maiores redes supermercadistas do Brasil, que possui mais de 25 mil colaboradores. Na ocasião, a startup enviou vários grupos de técnicos às lojas. Com isso, foram feitos atendimentos simultâneos em 400 endereços e cobertura de 100 a 300 equipamentos por dia.

  1. Rollout de equipamentos 

Por falar em equipamentos, outra ação que é de extrema importância na Black Friday é manter todos eles, como pinpads e POS, nas versões mais atualizadas. Assim, a operação pode ocorrer de maneira mais fluida e de acordo com as novidades tecnológicas mais recentes. “As ferramentas tecnológicas precisam ser cuidadas para que atinjam o nível de eficiência prometido. Isso sem falar que o seu aperfeiçoamento com atualizações garante a subtração de ocorrências em produtos e serviços”, destaca Freire.

  1. Unidades de distribuição 

As unidades de distribuição que estão ligadas diretamente ao e-commerce também merecem uma atenção especial por parte dos lojistas. Assim como os PDVs, elas precisam manter a operação de TI em bom funcionamento, para que, consequentemente, deem saída a todos os pedidos de uma maneira ágil.

  1. Operação remota 

Por fim, em uma realidade em que as operações remotas crescem em diversos segmentos, dividir essa forma de atuação com a presencial pode desburocratizar processos para a Black Friday. “Nem todos os problemas precisam ser resolvidos fisicamente”, ressalta Freire. “Uma operação de suporte remoto também pode ajudar a evitar problemas com mais fluidez e agilidade, duas características primordiais para a manutenção da tecnologia em datas especiais”, finaliza.

Sobre a FindUP

A FindUP é a principal plataforma que conecta grandes empresas aos atendimentos técnicos de informática presenciais e remotos do país. Usando inteligência artificial e geolocalização, a empresa se transformou referência em Field Service por oferecer às marcas uma plataforma intuitiva e prática, que disponibiliza técnicos em até 3 horas após a solicitação. Com o propósito de transformar vidas e gerar renda para centenas de profissionais de TI, acreditando no potencial da economia compartilhada, a FindUP conta com mais de 15 mil técnicos espalhados por cerca de 800 cidades brasileiras, garantindo a cada um uma renda até três vezes maior do que o mercado. Desde 2015, a empresa ajuda mais de 240 grandes marcas brasileiras e multinacionais a melhorar seu fluxo de trabalho e processos na área de TI, entre elas estão Calvin Klein, Santander, Magalu, O Boticário, Riachuelo, C&A, Centauro.

 

 

 

Foto de Capa: Divulgação

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,