Contratações de crédito do BNB na Bahia crescem 125% no 1° trimestre

As operações no estado somaram R$ 2,5 bilhões. Em toda sua área de atuação, o BNB financiou R$ 8,7 bilhões

 

Por:  Imprensa- Banco do Nordeste

 

Salvador (BA), 04 de maio de 2022 – As operações de crédito do Banco do Nordeste (BNB) na Bahia cresceram 125% no primeiro trimestre deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado. Ao todo, foram contratados R$ 2,5 bilhões em 2022. Os projetos de infraestrutura puxaram o resultado com R$ 1 bilhão contratado.

As micro e pequenas empresas (MPE) no estado também ajudaram a elevar o desempenho das operações. Foram contratados R$ 160 milhões nos três primeiros meses de 2022. Esse valor é 43% acima das contratações do mesmo período do ano passado. Além disso, o crédito para MPE também foi mais distribuído este ano: 33% de aumento no número de operações realizadas (1.200 contra 900, no mesmo período de 2021).

Ao todo, os valores contratados pelo BNB em sua área de atuação (estados nordestinos e parte de Minas Gerais e Espírito Santo) no primeiro trimestre de 2022 subiram 17% em relação ao mesmo período de 2021. O balanço do período mostra que foram mais de R$ 8,7 bilhões financiados. O segmento que apresentou maior crescimento foi o de micro e pequenas empresas, que registrou aumento de 42% no valor emprestado, totalizando R$ 866 milhões em novos créditos.

Segundo o presidente do BNB, José Gomes da Costa, a tomada de crédito desses clientes reflete o aquecimento da economia e gera perspectiva otimista de aumento nos negócios. “As micro e pequenas empresas são as que mais empregam no Brasil e por isso estão no foco de nossa atuação. Então, ao disponibilizar crédito estamos ajudando na geração de emprego e, por sua vez, fazendo com que mais recursos circulem na economia”, afirma.

Outro segmento com grande crescimento foi o rural, que inclui os pequenos produtores. Somente o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) contratou R$ 1,13 bilhão. Alta de 30% em relação ao exercício anterior.

Crescimento das aplicações com FNE
O Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), principal fonte de recursos do BNB, fechou o trimestre com aplicação de R$ 5,8 bilhões. Na comparação com o primeiro trimestre de 2021, houve alta de 43% no valor aplicado este ano. De todos os recursos liberados pelo banco no primeiro trimestre, 66% foram oriundos do FNE.

 

Foto da capa: Divulgação

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,