Defesa Civil Nacional amplia capacitação em 10 vezes com uso de ferramentas on-line

Em 2019, de forma presencial, 500 pessoas foram capacitadas. Neste ano, com ensino a distância, já são 5 mil gestores estaduais e municipais treinados apenas no primeiro semestre

 

Por Agência Brasil 61

 

A adoção do ensino a distância para capacitações oferecidas pelo Governo Federal possibilitou um salto no atendimento aos gestores das Defesas Civis de estados e municípios do País.

Em comparação com 2019, o número de pessoas que concluíram os cursos sobre o uso de ferramentas de proteção e defesa civil aumentou dez vezes nos primeiros sete meses deste ano.

Entre as ferramentas com capacitação disponível a distância estão o Sistema Integrado de Informações sobre Desastres, o S2iD. A plataforma é usada por estados e municípios em pedidos de reconhecimento de situação de emergência ou estado de calamidade pública e também na solicitação de recursos para ações de resposta e de reconstrução de infraestrutura pública danificada.

Karine Lopes, diretora de Articulação e Gestão da Defesa Civil nacional, explica como o ensino a distância permitiu aumentar a oferta dos cursos.

“O ensino a distância nos permitiu democratizar a oferta de capacitações oferecidas pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil. Hoje alcançamos o que era impossível no presencial. Até julho, emitimos aproximadamente cinco mil certificados. Tem muito mais ainda pela frente neste ano de 2021. Conseguimos transformar o desafio da pandemia em oportunidade.”

Enquanto em 2019 as capacitações presenciais incluíram menos de 500 pessoas, em 2020, com esquema híbrido, cerca de 3 mil profissionais passaram por treinamento. Neste ano, com os cursos totalmente on-line, 5 mil pessoas já foram capacitadas apenas nos sete primeiros meses.

Fonte: Brasil 61

Foto de Capa: MDR/Divulgação.

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,