Detran-BA disponibiliza CRLV e CNH digitais na mesma plataforma; aplicativo poderá ser baixado nesta terça-feira, 10

Da Redação*

 

A partir desta terça-feira, 10, os proprietários de veículos do Estado da Bahia poderão acessar a versão digital do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), por meio de aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT), disponível gratuitamente nas lojas Google Play, para smartphones Android; e App Store, para quem utiliza um dispositivo IOS.

Os documentos eletrônicos, que são resultado de uma parceria entre o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA), o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), possuem as mesmas informações e validade jurídica das versões impressas.

Para ter acesso ao CRLV e CNH digitais, é necessário que o condutor baixe o Aplicativo CDT nas referidas plataformas (Google Play ou App Store); acesse e crie uma conta, que será ativada via e-mail; após a ativação do cadastro, faça login no Aplicativo e clique em “adicionar documento”; inclua o CRLV ou CNH ou ambos, sendo que somente CNH´s com QR-Code e veículos com o licenciamento quitado poderão ser cadastrados; após o cadastro, informe o número do Renavam e o Código de Segurança impresso no Certificado de Registro de Veículos – CRV (antigo DUT), a fim de validar o CRLV digital; depois de confirmada a validação, informe o número do telefone celular para que o CRLV digital seja disponibilizado no dispositivo móvel; e, por fim, crie uma senha de quatro dígitos, que deverá ser digitada toda vez que houver a necessidade de visualizar o documento digital (nesse caso, a biometria também poderá ser utilizada, caso o smartphone disponha dessa tecnologia).

O proprietário do veículo poderá compartilhar o CRLV digital com até cinco pessoas, que também precisarão ter o aplicativo instalado em seus dispositivos móveis. Contudo, por segurança, quem receber não poderá exportar dados nem fazer o compartilhamento. Os usuários poderão visualizar os documentos digitais mesmo em momentos que não estejam com acesso à Internet.

Segundo o diretor-geral do Detran-BA, Rodrigo Pimentel, o órgão procurou investir e dar prioridade à garantia da segurança da ferramenta. “O aplicativo é protegido por senha e biometria.  A autenticidade dos documentos é garantida por um QR-Code gerado no sistema e que pode ser verificado mesmo quando o celular estiver sem sinal de Internet. O cidadão terá os dois documentos obrigatórios para dirigir regularizado na palma da mão e sem custo. O Detran ficou mais próximo dos condutores”, disse ele.

 

*Com informações da Assessoria de Comunicação Social do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA).
Foto de Capa: Pixabay.

Jornal do Sudoeste

Categorias