Famílias de Brumado têm acesso à água o ano inteiro, por meio do projeto desenvolvido pela RHI Magnesita

Tubulação instalada no fundo da mina de Pedra Petra chega a oferecer um volume de 50.000 litros de água por hora

 

Por Ascom/ RHI Magnesita

 

Celebrado no dia 22 de março, o Dia Mundial da Água foi criado para alertar a população mundial sobre a preservação e os riscos de escassez deste recurso natural inestimável para o planeta. A insuficiência de água é um problema que já afeta quase todos os continentes e conforme dados da FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura), em 2025, cerca de 1,8 bilhão de pessoas estarão vivendo em países ou regiões com escassez de água absoluta.

Consciente de seu papel social e sustentável para as comunidades onde atua, a RHI Magnesita se comprometeu, globalmente, a mapear as unidades com possíveis escassez de água para estabelecer metas que tenham impactos positivos, tanto para as pessoas, quanto para o meio ambiente e que minimizem ao máximo, o problema da escassez de água. Para tanto, as unidades industriais têm objetivos concretos para a redução de consumo e indicadores de performance relacionados ao tema, promovendo uma cultura da economia e do bom uso do recurso.

Em Brumado, por meio do projeto “O poder da água para transformar vidas” uma tubulação que bombeia água do fundo da mina de Pedra Preta para um reservatório na comunidade Lagoa dos Algodões. Nos momentos de bombeamento, o volume chega a 50.000 litros/hora.

A iniciativa permite que as famílias que vivem em Pedra Petra (aproximadamente 46 pessoas) tenham água durante os 12 meses do ano. O recurso é direcionado ao plantio de hortaliças e ao consumo do rebanho animal, contribuindo diretamente para a subsistência e geração de renda da comunidade.

“A iniciativa vai ao encontro das propostas sustentáveis praticadas pela RHI Magnesita em todas as suas operações. Em Brumado, especialmente, podemos contribuir de forma direta com o meio ambiente e com a comunidade, a partir da produção de receita e economia para os cidadãos de Pedra Petra”, destaca Lucilla Soledade, especialista de sustentabilidade e comunicação.

Em 2021, a estimativa da RHI Magnesita é de que o bombeamento chegue a 18.000.000 litros/mês, iniciando em abril.

Medidas práticas

A recirculação de água é uma das diversas medidas práticas da RHIM para evitar o desperdício de água em suas plantas industriais. Somente no Brasil, as unidades de mineração realizam uma recirculação de 92% da água utilizada em seus processos.

A RHI Magnesita reafirma o compromisso em desenvolver suas operações em harmonia a sustentabilidade nas regiões onde atua. Todas as fontes de captações e consumos são acompanhadas por instrumentos de monitoramentos, e essa ação provoca um consumo racional hídrico, diminuindo desperdício e aumentando a eficiência de consumo de água nas suas plantas.

 

Foto de Capa: Divulgação/ RHI Magnesita.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,