Fortalecimento das Instituições coletiva na Agricultura Familiar é debatido no I° Seminário Territorial

Por Ascom Cooperast 

 

O I Seminário Territorial com Representantes de Beneficiários do projeto Bahia Produtiva Lote 12/ Território de Identidade Litoral Sul, realizado pela Cooperast foi uma atividade concebida para auxiliar o diálogo entre os representantes dos Empreendimentos, a Cooperast e os ACR’s/ACA’s, as atividades ocorram de forma remota, em virtude da pandemia do novo Coronavírus.

A atividade se insere na estratégia de promoção do Desenvolvimento Rural Sustentável com ações de fomento à produção, agroindustrialização, comercialização e melhoria da infraestrutura no campo.

O evento contou com a participação de representantes de vários seguimentos da sociedade; discutindo diferentes temas, desde Desenvolvimento Territorial por meio da Agricultura Familiar, passando por Credito Rural, Papel do ACR no sucesso do empreendimento até esclarecimentos a respeito da Declaração de aptidão ao PRONAF – DAP.

A equipe avalia que o trabalho realizado em campo está gerando frutos e gerando desenvolvimento para a agricultura familiar. Segundo o palestrante, mestre em Meio Ambiente, Walter Lima: Os canais de diálogo estabelecidos até aqui, são ferramentas importantes para que o agricultor baiano tenha autonomia sobre sua produção.

 

Foto de Capa: Divulgação.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,