Gestores terão até 2 de julho para aderir ao programa de qualificação dos agentes de saúde

A estratégia já conta com a adesão de 95% dos municípios brasileiros. O número corresponde a mais de 95% dos gestores municipais no País

 

Por: AGÊNCIA SAÚDE

O Ministério da Saúde prorrogou o prazo para adesão ao programa Saúde com Agente. Estados e municípios terão até 2 de julho para aderir à iniciativa que qualifica agentes comunitários de saúde e de combate a endemias que atuam diretamente com a população por meio dos serviços da Atenção Primária. A estratégia já conta com a adesão de 5.342 municípios brasileiros. O número corresponde a mais de 95% dos gestores municipais no País.

A expectativa da secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro, responsável por coordenar e acompanhar as atividades do Saúde com Agente, é que o número de adesões não sofra grandes alterações.

“Percebemos que os gestores têm muito interesse em qualificar esses profissionais do SUS devido à agilidade dos municípios para adesão. Isso demonstra a credibilidade do Governo Federal, que tem se empenhado para fortalecer a saúde pública por meio de programas que visam capacitar servidores da área. Queremos fazer essa entrega à população brasileira oferecendo uma assistência de qualidade na Atenção Primária”, reforçou Mayra.

FORMAÇÃO

O Saúde com Agente ainda prevê a formação de cadastro de preceptores, a seleção de tutores e a inscrição dos agentes nos cursos. Essas ações serão realizadas por meio de regulamentos próprios, que serão divulgados em breve.

O Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), parceiro da pasta na execução do programa, fará a contratação da instituição de ensino que ofertará os cursos e fará a expedição do diploma. O processo de seleção está em andamento.

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,