Haddad anuncia duas mulheres para presidir Banco do Brasil e Caixa

Ambas são funcionárias de carreira das instituições que irão presidir

Por: Felipe Pontes – Repórter da Agência Brasil

O futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad, anunciou (30) duas mulheres para presidir os principais bancos públicos brasileiros – a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil. São elas Tarciana Medeiros e Maria Rita Serrano, respectivamente. Ambas são funcionárias de carreira das instituições que irão presidir.

Segundo Haddad, as duas já se reuniram com ele e o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva para discutir as prioridades do novo governo para os bancos públicos e se mostraram “completamente alinhadas” ao que foi apresentado.

“Ambas estão bastantes animadas com as tarefas que lhes foram designadas pelo presidente da República”, disse Haddad ao anunciá-las a jornalistas em frente ao hotel onde Lula está hospedado em Brasília.

Segundo Haddad, a prioridade será oferecer linhas de crédito para famílias de baixa renda endividadas. O futuro ministro da Fazendo acrescentou que trata-se “de colocar à disposição da população o que foi promessa de campanha, sobretudo no que diz respeito ao crédito”.

Currículos

Tarciana Medeiros têm 22 anos de carreira no Banco do Brasil. Agora, torna-se a primeira mulher a presidir o banco em mais de 200 anos de história da instituição, que foi fundada ainda na época do Império, em 1808.

Ela atualmente possui cargo de gerente executiva na Diretoria de Clientes do Banco do Brasil. Antes, foi superintendente comercial da BB Seguridade, subsidiária do banco. Formada em administração de empresas, é pós-graduada em gestão, marketing, liderança e inovação.

Por dois anos, Tarciana Medeiros esteve à frente de projetos de pós-venda na Diretoria de Crédito e Empréstimos do BB, uma das áreas prioritárias em que o governo conta com a atuação do banco público de varejo logo nos primeiros momentos da nova gestão.

Rita Serrano, por sua vez, tem 33 anos de Caixa Econômica Federal, sendo a atual representante dos empregados eleita para o Conselho de Administração do banco estatal, cargo que ocupa desde 2014. Ela já desempenhou diversas funções e foi, entre 2006 e 2012, presidente do Sindicato dos Bancários do ABC Paulista. Atualmente, ela é uma das líderes do movimento de defesa das empresas públicas.

 

 

Foto de Capa: José Cruz/ Agência Brasil

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,