Skip to content
77 3441-7081 — [email protected]

Manchas de óleo voltam a Ilhéus e atingem mais 3 cidades na Bahia

Valença, Nilo Peçanha e Jaguaripe entram na lista, que soma 22 municípios atingidos no litoral do estado. Mais de 300 toneladas da substância já foram removidas.

 

Por G1 Bahia

Subiu para 22 o número de cidades baianas atingidas pelas manchas de óleo que têm afetado o litoral do Nordeste brasileiro. Segundo dados atualizados nesta terça-feira (29), além dos 19 municípios que já tinham sido contabilizados, entram para a lista Valença e Nilo Peçanha, no baixo sul do estado, e Jaguaripe, no recôncavo. A Bahia está em situação de emergência.

Nesta terça-feira, também foram registrados novos pontos de contaminação na cidade de Ilhéus, no sul do estado. Durante a manhã, a substância chegou à praia da Avenida Soares Lopes e à Praia da Ponta do Ramo. Com isso, subiu para três o número de pontos afetados no município.

Em Valença, as manchas chegaram na madrugada de segunda-feira (28). Segundo a prefeitura, pequenas pelotas foram encontradas na Praia de Taquari. O material já foi recolhido e equipes de monitoramento da prefeitura e voluntários acompanham a região. Ainda não há um balanço do volume recolhido na região.

Manchas de óleo chegaram na cidade de Valença, no baixo sul da Bahia — Foto: Divulgação/Prefeitura

Manchas de óleo chegaram na cidade de Valença, no baixo sul da Bahia. Foto: Divulgação/Prefeitura.

 

No município de Nilo Peçanha, foram afetados Barra dos Carvalhos e Praia do Patigi. As manchas chegaram na última quinta-feira (24) e foram recolhidas no dia seguinte. Na segunda elas voltaram e já foram limpas. Cerca de 100 quilos foram removidos ao todo.

Nesta terça-feira, as praias da cidade seguem limpas e sob monitoramento. Segundo o secretário de Meio Ambiente, Marcos Eder, há grande preocupação com o estuário, ambiente aquático de transição entre um rio e o mar, por conta dos peixes, que representam cerca de 70% do mercado da região.

Já em Jaguaripe, foram localizadas pelotas na Praia dos Garcês, no dia 18, e na Praia de Pirajuia, no dia 23. O material já foi removido e não há mais registro desde então. Cerca de 9 quilos foram retirados das localidades.

Una registra manchas de óleo e sobe para 19 nº de cidades atingidas na Bahia — Foto: Divulgação/ICMBio sul da Bahia

Una registra manchas de óleo e sobe para 19 nº de cidades atingidas na Bahia. Foto: Divulgação/ICMBio sul da Bahia.

Antes da atualização, os municípios afetados mais recentes eram Una e Ituberá. Em Una, as manchas chegaram na segunda-feira. Até então, a cidade não tinha sido afetada.

Já em Ituberá, o óleo apareceu novamente. Um dos três pontos atingidos no município é a Praia de Pratigi, onde acontece uma das festas de Réveillon mais famosas do país, o Universo Paralello.

Manchas na Bahia

Manchas de óleo chegam à praia da Pituba, em Salvador — Foto: Alan Oliveira/G1 BA

Manchas de óleo chegam à praia da Pituba, em Salvador. Foto: Alan Oliveira/G1 BA.

As manchas de óleo começaram a chegar no estado em 3 de outubro, quase um mês após o início do problema no país. O estado foi o último a receber a substância.

Mais de 300 praias já foram afetadas pelo óleo em todo o Nordeste. Na Bahia, são ao menos 75 localidades.

As cidades afetadas no estado são Valença, Nilo Peçanha, Jaguaripe, Salvador, Conde, Mata de São João, Vera Cruz, Una, Ituberá, Uruçuca, Canavieiras, Igrapiúna, Itacaré, Entre Rios, Ilhéus, Cairu, Maraú, Itaparica, Lauro de Freitas, Cmaçari, Esplanada e Jandaíra.

Lista de localidades atingidas:

Valença (123 km – baixo sul)

  • Praia de Taquari (praia)

Nilo Peçanha (152 km – baixo sul)

  • Barra dos Carvalhos (praia)
  • Praia do Pratigi (praia)

Jaguaripe (101 km – recôncavo)

  • Praia dos Garcês (praia)
  • Praia de Pirajuia (praia)

Una (525 km – sul)

  • Praia de Comandatuba (praia);

Ituberá (169 km – baixo sul)

  • Barra do Serinhaém (praia);
  • Praia de Pratigi (praia);
  • Ilha de Kieppe (praia);

Uruçuca (412 km – sudoeste)

  • Nome da praia não foi divulgado;

Canavieiras (423 km – sul)

  • Praia de Atalaia;

Igrapiúna (179 km – sudoeste)

  • Nome da praia não foi divulgado;

Itacaré (390 km – sul):

  • Tiririca (praia);
  • Itacarezinho (praia);

Ilhéus (300 km – sul)

  • Praia do Norte (praia);
  • Praia da Avenida Soares Lopes (praia);
  • Praia da Ponta do Ramo (praia);

Cairu (300 km – baixo sul):

  • Segunda Praia (praia – distrito de Morro de São Paulo);
  • Terceira Praia (praia – distrito de Morro de São Paulo);
  • Quarta Praia (praia – distrito de Morro de São Paulo);
  • Quinta Praia (praia – distrito de Morro de São Paulo);
  • Praia de Moreré (praia – distrito de Boipeba);
  • Garapuá (praia);

Maraú (250 km – baixo sul)

  • Praia de Barra Grande (praia – distrito de Barra Grande);
  • Praia de Cassange;
  • Praia dos Gringos (praia – distrito de Barra Grande);
  • Taipú de Fora (praia);
  • Três Coqueiros (praia);
  • Saquaíra (praia);
  • Algodões (praia);

Itaparica (Ilha de Itaparica – RMS):

  • Manguinhos (praia);

Vera Cruz (Ilha de Itaparica – RMS):

  • Jaburu (praia);
  • Barra Grande (praia);
  • Barra do Pote (praia);
  • Tairú (praia);

Salvador:

  • Piatã (praia);
  • Praia do Flamengo (praia);
  • Jardim dos Namorados (praia);
  • Jardim de Alah (praia);
  • Praia de Placaford (praia);
  • Buracão (praia);
  • Ondina (praia);
  • Pituba (praia);
  • Boca do Rio (praia);
  • Stella Maris (praia);
  • Farol da Barra (praia);

Lauro de Freitas (cidade limítrofe – RMS):

  • Ipitanga (praia);
  • Vilas do Atlântico (praia);
  • Rio São Joanes (rio);

Camaçari (47 km – RMS):

  • Arembepe (praia);
  • Guarajuba (praia);
  • Itacimirim (praia e manguezal);
  • Jauá (praia);

Mata de São João (61 km – RMS):

  • Praia do Forte (praia);
  • Imbassaí (praia e manguezal);
  • Santo Antônio (praia);
  • Costa do Sauípe (praia);

Entre Rios (142 km):

  • Subaúma (praia);
  • Porto de Sauípe (praia);
  • Massarandupió (praia);

Esplanada (170 km):

  • Baixio (praia);
  • Mamucabo (praia);
  • Rio Inhambupe (rio);
  • Rio Subaúma (rio);

Conde (186 km):

  • Barra da Siribinha (praia);
  • Barra do Itariri (praia);
  • Sítio do Conde (praia);
  • Poças (praia);
  • Rio Itapicuru (rio);

Jandaíra (205 km):

  • Coqueiro (praia);
  • Mangue Seco (praia);
  • Três Coqueiros (praia);
  • Costa Azul (praia);
  • Rio Itapicuru (rio);
  • Rio Real (rio);

Manchas de óleo chegam à praia da Pituba, em Salvador — Foto: Alan Oliveira/G1 BA

Manchas de óleo chegam à praia da Pituba, em Salvador. Foto: Alan Oliveira/G1 BA.

Das localidades afetadas, a praia de Guarajuba, em Camaçari, é a que tem o pior estado na região metropolitana de Salvador — Foto: Itana Alencar/G1 BA

Das localidades afetadas, a praia de Guarajuba, em Camaçari, é a que tem o pior estado na região metropolitana de Salvador. Foto: Itana Alencar/G1 BA.

Jornal do Sudoeste

Categorias
Scroll To Top