77 3441-7081 — [email protected]

Merenda escolar de qualidade é prioridade nas escolas municipais de Itambé

 Por Nicolaia Carneiro ASCOM/PMI

Um cardápio equilibrado e variado faz parte da rotina dos estudantes da Rede Municipal de Ensino de Itambé.

A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, tem investido em constantes melhorias na merenda escolar para que as refeições servidas diariamente sejam saudáveis, balanceadas, saborosas e contenham todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento dos alunos.

Conforme a secretária de Educação, Alecciene Gusmão, a merenda é distribuída nas Escolas Municipais e Centros Municipais de Educação Infantil da sede, distritos e zona rural, e faz parte do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), gerenciado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A secretária explica que o Programa é acompanhado e fiscalizado diretamente pela sociedade, por meio do Conselho de Alimentação Escolar (CAE), como também pelo FNDE, Tribunal de Contas da União (TCU), Controladoria Geral da União (CGU) e Ministério Público. “Para termos um controle ainda maior, o município disponibiliza duas nutricionistas que cuidam de todo processo, desde a escolha das refeições até a sua distribuição”, afirmou a secretária.

De acordo com a coordenadora da Merenda Escolar, Bárbara Fernandes, todo processo de execução da alimentação dos estudantes começa com a definição do cardápio, que é ser elaborado por uma nutricionista habilitada e segue um rigoroso padrão de qualidade.

A coordenadora explica que, além da preocupação com a variedade dos produtos servidos, é necessário garantir que esta alimentação tenha um alto valor nutritivo, conforme as exigências da legislação. “O nosso município atende todas as determinações do FNDE e, entre elas, está a aquisição de parte dos gêneros alimentícios, como frutas, legumes e verduras, diretamente da Agricultura Familiar”, informou.

Ainda segundo a coordenadora, além de uma variada quantidade de vegetais, o cardápio também contém refeições comomingau de tapioca, sopa de aipim, biscoito com achocolatado, iogurte, biscoito com café com leite, farofa de feijão, entre outros alimentos. “Além de nos preocuparmos com a variedade, todo processo de armazenamento, manipulação e entrega é feito com total controle”, explicou a coordenadora.

Para o prefeito Eduardo Gama, garantir que alimentos de qualidade cheguem às escolas é um compromisso. “Priorizamos a questão da merenda escolar com transparência e responsabilidade, pois sabemos a importância de uma alimentação saudável para o desenvolvimento, aprendizagem e rendimento dos alunos”, afirmou o prefeito.

Jornal do Sudoeste

Categorias