Ministério da Saúde libera recursos para municípios que aderiram ao Rede Cegonha

O montante transferido será de R$ 1,9 milhão destinado para a realização de Testes Rápidos de Gravidez (TRG)

Por: Rafaela Gonçalves/Brasil61

Foi autorizado o repasse de recursos para estados e municípios que aderiram ao programa Rede Cegonha, destinado para a realização de Testes Rápidos de Gravidez (TRG). O montante transferido será de R$ 1,9 milhão, os recursos representam o valor de custeio dos testes referentes ao ano de 2020.

Os valores correspondem ao preço unitário do teste rápido de gravidez, multiplicado pelo número de nascidos vivos obtido no Sistema de Informações de Nascidos Vivos (SINASC) por município de residência no ano de 2019, com acréscimo de 20%.

O valor mínimo a ser recebido será de R$ 56 de acordo com as estimativas realizadas pelo Departamento de Economia da Saúde, Investimentos e Desenvolvimentos do Ministério da Saúde, para a compra mínima de um kit com 100 testes.

A Rede Cegonha é uma estratégia lançada em 2011 pelo governo federal para proporcionar às mulheres saúde, qualidade de vida e bem estar durante a gestação, parto, pós-parto e o desenvolvimento da criança até os dois primeiros anos de vida.

Foto de capa: CNM

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,