77 3441-7081 — [email protected]

O desespero de Fernando Haddad bate à porta do TSE

Campanha de Haddad vai ao TSE pedir entrevista na TV Globo por ausência de Bolsonaro em debate

 

O desespero tomou conta de HADDAD e o do PT. Veja só, uma emissora privada, a TV Globo, sendo ameaçada na Justiça a ser obrigada a fazer entrevista com o candidato petista. E HADDAD, LULA e demais corja petista chamam o futuro presidente da República, Jair Bolsonaro, de interventor, de autoritário, de imperioso e de outras incivilidades.

O PT estava acostumado mandar no país, a tomar atitudes na marra e a desrespeitar os ordenamentos jurídicos. Mas os tempos estão mudando. E a Lava-Jato inaugurou um marco de novo rumo jurídico no Brasil, para desgosto de LULA e de toda a sua corja.

A maioria do eleitor nacional, que já elegeu Bolsonaro em primeiro turno, não precisa ouvir debate político, porque já conhece as propostas abertas, claras, cristalinas e sem rodeios do candidato Bolsonaro, bem diferente do preposto de LULA – o poste que deixou a prefeitura de São Paulo com índice de reprovação superior ao ex-prefeito CELSO PITTA – e que representa o ideário do prisioneiro LULA, que roubou e depauperou o país.

Júlio César Cardoso

Júlio César Cardoso

Bacharel em Direito e servidor federal aposentado Balneário Camboriú-SC
Categorias