Skip to content
77 3441-7081 — [email protected]

Palestra prepara empreendedores de Bom Jesus da Lapa para vendas em datas comemorativas

Por Lucimar Almeida

Dentro da proposta do Governo Eures Ribeiro Pereira (PSD) de incentivar a atração e o incremento de atividades produtivas no município, há uma atenção especial para o comércio varejista e de serviços, que tem sido um importante parceiro na geração de empregos e renda. Nesse contexto, visando oportunizar aos empresários do setor comercial varejista e de serviços aproveitar as oportunidades de negócios geradas pelas datas comemorativas, a Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Turismo e Empreendedorismo, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas na Bahia (Sebrae/BA), Sala do Empreendedor e Câmara de Dirigentes Lojistas, realizou no último dia 27 de novembro, a palestra “Vendas em datas comemorativas – Easy Marketing”.

O evento, realizado no Auditório João Paulo II, na Praça da Bandeira, teve como conferente o palestrante, mágico e criador da metodologia “Descubra sua mágica”, Lucca Viery. A palestra, com técnicas práticas e estratégias de vendas e atendimento com motivação, com foco no aproveitamento das vendas em datas comemorativas, utilizando um marketing fácil, prático e direto, faz parte do projeto do Sebrae ‘Ciclo de Datas Comemorativas’.

Empreendedores dos setores varejista e de serviços lotaram o Auditório João Paulo II para a palestra ministrada por Lucca Viery

Para um público formado por empreendedores dos setores do comércio varejista e de serviços de Bom Jesus da Lapa e municípios vizinhos, o palestrante, provocando a interação da plateia, com números de mágica e de forma descontraída, abordou o tema proposto e apresentou ferramentas para fomento das vendas, principalmente nesse período de festejos natalinos e de final de ano.

O palestrante reforçou não existir experiência suficiente se não houver também a ação, insistindo que o sucesso do empreendimento comercial (varejista e de serviços) começa com o comportamento do vendedor. De acordo com Viery, a primeira abordagem é que irá determinar se haverá ou não a venda. Ele também salientou que o vendedor tradicional tem de ser substituído pelos “resolvedores de problemas”, que sabem diferenciar os desejos e necessidades de cada cliente, de forma a poder oferecer o melhor atendimento e o produto/serviço que ele necessita ou almeja. Para tanto, sublinhou o palestrante, é preciso que o vendedor, na abordagem, identifique o perfil do cliente, tenha uma comunicação clara e saiba contornar um eventual “não” e o momento certo de terminar a abordagem, concretizando a venda ou fazendo com que o cliente possa não se esquecer do estabelecimento.

Foto capa: (Palestrante Lucca Viery – Ascom / PMBJL

Jornal do Sudoeste

Categorias
Scroll To Top