Patrimônios históricos do Brasil: conheça três cidades com muita história para contar e visitar

Conexão123 apresenta destinos nacionais imperdíveis para curtir o Dia do Patrimônio Histórico

Por: Conexão123

 

Nosso país é encantador de diversas maneiras! Sua história, rica e diversa, é contada e registrada das mais diferentes formas, inclusive nas suas construções e conjuntos urbanísticos que se espalham por todo o Brasil.

O Dia Nacional do Patrimônio Histórico é comemorado no dia 17 de agosto, como forma de enfatizar a importância da proteção e preservação dos símbolos nacionais que fizeram parte da história do Brasil.

Patrimônios históricos são bens materiais e/ou naturais que têm importância para determinada sociedade, comunidade ou acervo. São exemplos: edifícios, centros urbanos e sítios arqueológicos, que são classificados em dois tipos de patrimônio histórico, sendo eles móveis e imóveis.

A plataforma de experiências de viagens Conexão123 escolheu três destinos imperdíveis para celebrar nosso patrimônio: o centro histórico de Salvador (BA), o conjunto urbanístico de Paraty (RJ) e o Antigo Recife (PE).

O que é tombamento e quem são os responsáveis por definir o que deve ser preservado?

O tombamento é uma ação administrativa do Poder Executivo, que começa pelo pedido de abertura de processo, por iniciativa de qualquer cidadão (pessoa física ou jurídica), instituição pública ou privada. Esse processo, após uma avaliação técnica preliminar, é submetido à deliberação dos órgãos responsáveis pela preservação.

O reconhecimento pode ser feito em vários níveis: pela União, por meio do IPHAN; pelo governo estadual, por meio do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Arquitetônico do Estado (Condephaat); ou pelas administrações municipais, utilizando leis específicas ou a legislação federal como base.

Dada sua relevância cultural, esses bens são amplamente procurados para uma experiência imersiva, como passeios históricos pelas cidades brasileiras. São opções atividades ideais para ampliar o olhar sobre aspectos importantes na formação e no desenvolvimento de uma identidade histórica e cultural.

Centro histórico de Salvador (BA)

O centro histórico de Salvador, capital do estado da Bahia, é reconhecido como um dos patrimônios históricos do Brasil. Foi tombado no ano de 1984, por seu conjunto arquitetônico, paisagístico e urbanístico. A cidade foi a primeira capital do Brasil, fundada em 1549, nos anos iniciais da colonização portuguesa, em razão de sua localização estratégica na costa brasileira, o que facilitava as transações comerciais.

Graças a esse status, durante o século XVI, Salvador obteve uma maior atenção no contexto urbanístico e arqueológico, que hoje em dia permite uma leitura do passado, principalmente da era colonial. É importante destacar que alguns desses bens brasileiros são considerados Patrimônios da Humanidade, identificados pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como lugares de valor extraordinário para toda a humanidade, como é o caso do centro histórico da cidade, uma boa opção de turismo em Salvador.

A arquitetura do patrimônio histórico da Bahia está pautada na transição do estilo renascentista para o barroco. Entre as principais construções desse período, podemos destacar:

• A atual Catedral de Salvador

• Igreja e Convento de São Francisco

• O atual Museu de Arte Sacra da Universidade Federal da Bahia

• Igreja e Mosteiro de São Bento

• Palácio do Governador

Em se tratando de espaços públicos que integram o conjunto urbanístico, é possível citar a Praça Municipal, o Terreiro de Jesus, o Caminho de São Francisco, o Largo do Pelourinho, o Largo de Santo Antônio e o Largo do Boqueirão. Como esses pontos turísticos de Salvador ficam relativamente próximos uns dos outros, uma das opções é montar um roteiro para fazer a pé pelas ruas de edifícios coloridos, parando para conhecer os que mais interessam.

 

Patrimônios históricos do Brasil: conheça três cidades com muita história para contar e visitar
O Centro Histórico de Salvador é um dos patrimônios históricos do Brasil que podem ser visitados em uma viagem voltada para passeios históricos

Para desfrutar de uma experiência imersiva pelo centro histórico, o viajante deve se hospedar em Salvador próximo à região central, como é o caso do Fera Palace Hotel, um edifício imponente e monumental, construído em estilo art déco, que já recebeu grandes nomes, como Orson Welles, Pablo Neruda, Carmen Miranda e Grande Otelo.

Conjunto urbanístico de Paraty (RJ)

Na cidade de Paraty, Rio de Janeiro, localizada no extremo sul do litoral do estado, os tombamentos nacionais abrangem diversas áreas do município. O conjunto arquitetônico e paisagístico da cidade foi tombado pelo Iphan em 1958. O entorno desse conjunto recebeu tombamento em 1974. Entre esses eventos, em 1966, toda a cidade recebeu o título de Monumento Nacional.

A região é muito valorizada, principalmente, pelas belezas naturais e pela importância histórica, que vem da época da colonização, representando um ponto de ligação entre as capitanias do Rio Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. A arquitetura da cidade é predominantemente da segunda metade do século XVIII e dos primeiros anos do século XIX, todas com fortes características em núcleos de construções que remontam ao período colonial.

Entre as edificações que integram os patrimônios históricos do Brasil, podemos ressaltar o Largo da Matriz, que costumava ser o centro cívico colonial, onde ficam os edifícios da administração pública e as igrejas. O que mais se destaca em Paraty, em termos de patrimônios históricos, é o projeto urbanístico, composto por ruas que se cruzam em linhas retas, formando um tabuleiro de xadrez, que integra uma composição urbana marcada por casas de traços geométricos simples e coloridos.

Patrimônios históricos do Brasil: conheça três cidades com muita história para contar e visitar
Conheça Paraty, um dos conjuntos urbanísticos reconhecidos como patrimônio histórico do Brasil

 

Em 2019, Paraty também foi reconhecida pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade, assim como o centro histórico de Salvador. Para a hospedagem na cidade fluminense, uma dica é a Pousada Literária de Paraty, localizada no centro histórico e cercada pela exuberância da natureza nativa.

Recife Antigo (PE)

Em Pernambuco, o patrimônio histórico do Brasil que se destaca é o bairro do Recife Antigo, localizado na capital do estado, com seu conjunto arquitetônico, urbanístico e paisagístico, tombado nacionalmente no ano de 1998.

Esse reconhecimento do Iphan abrange construções históricas, situadas em inúmeras ruas, avenidas e outros espaços públicos. São igrejas, palácios, fortalezas, conventos, prédios, conjuntos urbanos e outros bens móveis e imóveis.

Esse fato se deu por conta da importância histórica da cidade, que sofreu uma grande aceleração nos primeiros suspiros do século XX, principalmente, no que diz respeito à ampliação urbana. Entre os monumentos de espaços públicos tombados de Recife, podemos destacar:

• Igreja e Convento de Nossa Senhora das Neves e Ordem Terceira de São Francisco

• Convento e Igreja de Santo Antônio

• Igreja de Nossa Senhora da Conceição dos Militares

• Igreja e Mosteiro de São Bento

• Forte de São João Batista do Brum

• Fortaleza de São Tiago das Cinco Pontas

• Mercado São José

• Conjunto paisagístico do Sítio da Trindade (Arraial Velho do Bom Jesus)

Patrimônios históricos do Brasil: conheça três cidades com muita história para contar e visitar
Em Pernambuco, o Recife Antigo é um dos bairros tombados como patrimônio histórico do Brasil | Foto: Minube / Reprodução

Todos estão localizados relativamente perto e, por isso, podem ser conhecidos entre os passeios a pé. Além disso, para curtir ainda mais a história do local, é importante se hospedar em Recife em bairros próximos aos pontos turísticos, como o Hotel Atlante Plaza, situado em Boa Viagem, bairro nobre da cidade e próximo ao Recife Antigo.

O Conexão123, plataforma de notícias e dicas da 123milhas, apresenta conteúdos informativos sobre o turismo no Brasil e no mundo, ajudando os viajantes a decidir e a planejar suas próximas viagens. No site é possível descobrir mais indicações sobre diversos destinos.

 

 

Foto de Capa: Divulgação

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,