Prefeito Nilo Coelho anuncia a inauguração do Centro de Referência de Atendimento à Mulher Vítima de Violência (CRAM)

 

Por: ASCOM – Assessoria de Comunicação de Guanambi

 

Prefeito Nilo Coelho anuncia a inauguração do Centro de Referência de Atendimento à Mulher Vítima de Violência (CRAM)

O Prefeito Nilo Coelho, ao lado da secretária municipal de Assistência Social Carla Maria e Edésia Lisboa, presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher (CMDDM), anunciou na manhã desta terça (29), a inauguração do Centro de Referência de Atendimento à Mulher Vítima de Violência (CRAM).

Diálogo com a sociedade civil

Na última semana, o prefeito esteve reunido com representantes do Movimento do Luto à Luta, e garantiu, não só a entrega do equipamento, mas como apoio à causa de defesa da mulher. O novo serviço será entregue na primeira quinzena de dezembro, em data a ser oficializada pela pasta da Assistência Social. “Estamos finalizando todos os detalhes da estrutura, que é confortável e acolhedora”, afirma Carla Maria.

Estrutura mantida pela PMG

Através de Convênio Federal 905407/20, com Termo de Aceite assinado dia 06/06/22 pelo Prefeito Nilo Coelho, com vigência iniciada em 21/06 deste ano, a manutenção de toda a estrutura, como também o custeio de uma equipe multidisciplinar, ficará a cargo da Secretaria Municipal de Assistência Social, já o Governo do Estado disponibilizará equipamentos, mobiliário e um veículo, adquiridos através de emenda parlamentar do deputado federal Charles Fernandes, que alocou recurso no valor de R$ 250 mil reais, em parceria com o Governo do Estado e Prefeitura.

Assinatura de convênio

A Prefeitura de Guanambi firmou em junho deste ano, o Termo de Cooperação Técnica com a Secretaria Estadual de Políticas para Mulheres (SPM), para a implantação do serviço. Naquela época, ficou prevista a implantação do serviço no segundo semestre.

Equipe multidisciplinar

A equipe de técnicos e profissionais, cuidadosamente selecionada e capacitada, é composta por 06 pessoas: Geane Reis (Chefe de Departamento), Edneia Novaes dos Santos (Coordenadora), Vera Lucia Rodrigues Fernandes (Psicóloga), Alinne de Almeida Teixeira Silveira (Assistente Social), Robéria da Silva Souza (Orientadora Jurídica) e Michele de Sousa Santos (Auxiliar Administrativo/recepção). Desde junho, a equipe já realizou 160 atendimentos.

O que é o CRAM?

O Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) é um espaço destinado a prestar atendimento humanizado às mulheres em situação de violência, proporcionando atendimento psicológico, social, orientação e encaminhamentos jurídicos necessários à superação da situação de violência, contribuindo para o fortalecimento da mulher.

Serviços ofertados no município por meio do CRAM:

– Atendimento e acompanhamento psicológico, social e jurídico realizado por uma equipe multidisciplinar especialmente preparada para este fim;

– Auxílio na obtenção do apoio jurídico necessário a cada caso específico;

– Orientação sobre prevenção, apoio e assistência às mulheres em situação de violência;

– Articulação com outras instituições para o acesso aos programas de educação formal e não formal e os meios de inserção no mundo do trabalho.

 

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,