Warning: file_put_contents(/home/jornaldosudoeste/www/wp-content/uploads/bb-plugin/cache/e61fb67aaa52c10ab6ee26f64296fe5b-layout-bundle.js): failed to open stream: Disk quota exceeded in /home/jornaldosudoeste/www/wp-content/plugins/bb-theme-builder/classes/class-fl-theme-builder-layout-renderer.php on line 245
77 3441-7081 — [email protected]

Projeto levará oficinas culturais a Vitória da Conquista, Poções e Caetanos

Por Luciana Oliveira /Ascom Instituto Mandacaru

Audiovisual, fotografia, bordado, discotecagem e elaboração de projetos são as oficinas que o Instituto Mandacaru realizará em escolas públicas de Vitória da Conquista, Poções e Caetanos. O projeto “Nós Somos as Mina” foi aprovado no Edital Março Mulheres 2018, da Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres (SPM-BA). A ação também contará com exposição, palestra, exibição de filmes e apresentação musical. A previsão é beneficiar diretamente 300 alunas de escolas públicas

De acordo com o representante do Mandacaru, Marcelo Lopes, o projeto propõe uma série de atividades culturais e de reflexão com foco temático nas ações afirmativas para promoção da autonomia feminina. Já a coordenadora do projeto, Luciana Oliveira, explica que se trata de oficinas introdutórias. “São conteúdos bem atuais e que visam provocar as meninas sobre possíveis atuações. Não queremos apenas ir às escolas e ‘passar’ um conteúdo, mas propor uma troca de experiências e um despertar das meninas para sua própria realidade e potencialidades”, disse Oliveira.  

Nos dias 17 e 18 de setembro, o projeto acontece no Colégio Estadual Eurides Santana, em Poções. Já nos dias 19 e 20 é a vez da Escola Municipal Antônio Carlos Peixoto Magalhães, em Caetanos, receber a ação. A última etapa acontecerá em Conquista, nos dias 24 e 25, no Centro Integrado.  

 

Empoderamento – O Edital Março Mulheres, da SPM, tem como objetivo contribuir para a autonomia, o empoderamento, a promoção e defesa dos direitos das mulheres e, também, contribuir para a prevenção e o enfrentamento à violência de gênero. Pela primeira vez, o Edital apoiou iniciativas na área de produção cultural. Neste ano, o edital conta com recursos na ordem de R$ 400 mil, voltados para apoio a pequenos empreendimentos com aquisição de equipamentos, feira de inclusão socio-produtiva e produção cultural. O edital contou com a inscrição de 120 projetos de diversas partes do estado. Os 13 selecionados são dos Territórios de Identidade de Itaparica, Médio Rio de Contas, Vitória da Conquista, Portal do Sertão, Recôncavo, Baixo Sul, Vale do Jequiriçá e Região Metropolitana de Salvador.

Jornal do Sudoeste

Categorias