Salto alto causa varizes? Médico angiologista esclarece dúvidas sobre questionamento

Por  Lucas de Paula

 

Preocupação de muitas mulheres, o salto alto e seu uso são associados constantemente ao surgimento de varizes, mas será que isso é verdade? De acordo com o Dr. João Victor, médico angiologista da Clínica CT Varizes, não existe comprovação científica para a relação entre salto alto e a doença, entretanto, há sim impacto nos músculos da perna e circulação do sangue.

Os saltos podem trazer malefícios para o trabalho desses músculos, já que torna limitada a articulação do tornozelo, o que influencia noa atuação da panturrilha. “O principal fator encarregado de levar o sangue da região até o coração e as veias é a contração do músculo da perna, por isso é muito importante alongar a região inferior antes e depois do uso do salto, do contrário a longo prazo pode trazer problemas como queimação e dores”, pontua o especialista.

Entretanto, esses fatores não são o bastante para tornar real o aparecimento das veias varicosas, uma vez que a causa do problema está ligado principalmente a fatores genéticos, além de idade acima de 40 anos, sedentarismo, menopausa, gestação, uso de anticoncepcional e ficar muito em pé ou sentado. “Para evitar alguma consequência negativa do salto, deve-se investir na rotina de exercícios físicos que fortalecem a área da panturrilha, como caminhadas, uso de esteira e bicicleta”, pontua o médico.

O angiologista lembra ainda da importância de consultar um profissional antes de escolher um procedimento para tratar as varizes. “É preciso que o médico angiologista avalie qual o procedimento se enquadra melhor para o caso de cada paciente, passando por um mapeamento venoso detalhado”, finaliza a especialista. Saiba mais no site CT Varizes: http://www.ctvarizes.com.br/.

 

Foto de Capa: Divulgação.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,