77 3441-7081 — [email protected]

STF julga Geddel pelos R$51 milhões nesta terça-feira (8)

O irmão do ex-ministro e deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB/BA), a mãe da dupla, Marluce Vieira Lima, também são réus

 

Por Matheus Pastori de Araujo – R7

 

O Supremo Tribunal Federal (STF) abriu na tarde desta terça-feira (8), durante sessão de sua Segunda Turma, o julgamento que deve decidir o futuro do ex-ministro de Estado Geddel Viera Lima (MDB).

O Supremo julga a denúncia da Procuradoria-Geral da República que mantém Geddel preso desde setembro de 2017 no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília. O Ministério Público Federal (MPF) pede que o ex-ministro dos governos Temer (MDB), Lula e Dilma (PT) seja condenado a sete anos de prisão por lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Além de Geddel, o irmão do ex-ministro e deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB/BA), a mãe da dupla, Marluce Vieira Lima, e o ex-diretor-geral da Defesa Civil de Salvador (CODESAL), Gustavo Ferraz, são réus.

 O caso em questão é o do apartamento em Salvador, atribuído a Geddel, onde foi encontrado pela Polícia Federal o montante de 51 milhões de reais em dinheiro vivo. O ex-ministro foi preso em setembro, logo após a apreensão do dinheiro no imóvel.

Os investigadores suspeitam que parte dos valores seriam referentes à propina no esquema montado pelo MDB na Caixa Econômica Federal. Geddel foi vice-presidente de pessoa jurídica do banco, responsável pela liberação de empréstimos.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,