Veja como investir pouco e ganhar muito

Por: Bruno Costa

 

Saber  investir e poupar o dinheiro  adequadamente, mesmo ganhando pouco, além de possível, é algo indispensável para quem quer alcançar uma boa reserva financeira.

E obviamente, pode salvar qualquer pessoa de uma série de dores de cabeça e garantir uma saúde financeira mais estável e uma qualidade de vida a longo prazo, mesmo que o trabalho seja  em uma empresa de corte e dobra, ou um serviço de limpeza de colchões.

No Brasil, a educação financeira nunca foi o foco. O fato de não ser mencionado na escola ou no início da vida cria um adulto que não é muito prático quando se trata de dinheiro.

Por conta disso, a instabilidade financeira se tornou um fator comum para as pessoas, principalmente os jovens, que acabam se apoiando em financiamentos e empréstimos, gerando endividamento e perda de poder aquisitivo.

O mesmo vale para as empresas áreas contaminadas que pela falta de controle e planejamento financeiro, podem acabar se envolvendo em sérios problemas financeiros e podem chegar ao ponto de falência da empresa.

A importância de saber investir mesmo pouco

Mesmo com salários baixos e ganhando pouco, você pode usar seu dinheiro de forma mais prática e obter resultados mais expressivos com essas ações, que são muito importantes para qualquer estrutura financeira.

É verdade que o dinheiro não é tudo, mas ele está presente em quase todos os aspectos da vida adulta e é responsável por manter um certo padrão de qualidade na vida das pessoas e de suas famílias.

Com uma sólida compreensão sobre o dinheiro, você pode fazer economias com seu salário, mesmo que você trabalhe em uma empresa de tratamento de resíduos sólidos, com um salário não tão expressivo. 

Mas sabendo quando e onde aplicar, é bem possível  obter os melhores resultados com investimentos adequados, afinal, esse é o objetivo da educação financeira, e que realmente pode trazer resultados incríveis.

Embora não haja apoio governamental ou educacional para lidar com questões de dinheiro, e obtenção de ex tarifário, está ocorrendo um grande aumento no interesse por tais questões e tentativas são feitas para entender a importância da educação financeira na sociedade.

Com isso, profissionais de economia e especialistas em assuntos financeiros aproveitaram a oportunidade para lançar cursos, palestras e webinars gratuitos, muitos deles gratuitos, para ajudar as pessoas a entender melhor sua vida financeira.

Desenvolver essas habilidades pode não apenas libertar uma pessoa de dívidas que podem cobrar uma alta renda, mas também otimizar seus gastos, reduzir gastos desnecessários com antecipação de cheques pré datados e saber como gastar o dinheiro.

Sem dúvida, não importa a idade, ou o salário, qualquer pessoa pode aprender educação financeira e se organizar melhor. 

Como resultado, é preciso somente começar a se inteirar sobre os conceitos de economia e finanças, já estimulando o interesse pelo dinheiro e como ele funciona.

Por que investir?

O ato de investir dinheiro  envolve pegar uma parte de sua renda e acumulá-la de alguma forma, colocando-a em um fundo de investimento para arrecadar juros e aumentar o dinheiro em ações de diversas empresas, como de fabricantes de estação de tratamento de água.

Muitas pessoas não entendem a importância desse ato porque pensam que se receberem uma certa quantia, é preciso gastá-la. No entanto, economizar e investir são as melhores maneiras e mais poderosas de garantir a estabilidade.

Acidentes e imprevistos ocorrem. Você pode precisar fazer uma reforma emergencial em sua casa, precisar de tratamento médico, comprar algo que não esperava ou até perder o emprego sem renda mensal por um tempo.

Nesses casos, a maioria das pessoas acaba endividando-se muito para poder pagar as contas.

No entanto, quando você economiza dinheiro, você pode construir uma reserva de emergência e investir esse dinheiro para evitar esse tipo de problema.  

Além disso, investir dinheiro pode te ajudar a realizar sonhos como:

  • Fazer viagens internacionais;
  • Comprar um carro
  • Comprar um imóvel próprio;
  • Começar uma empresa.

Muitos sonhos têm altos custos financeiros, mas com planejamento e foco, você pode otimizar suas chances de conquistar esse tipo de ação. Por isso, é interessante saber como controlar adequadamente seus recursos e como investir.

Dicas para investir com pouco dinheiro

Vamos dar algumas dicas para você começar a investir mesmo com um salário baixo. Confira:

Faça uso de planilhas financeiras

Uma planilha financeira é um documento que lista todas as suas receitas e despesas para um período específico, além de outras informações que você considera relevantes para sua assessoria contábil para abertura de empresa.

Hoje, a maioria das pessoas prefere conteúdo digital porque essas planilhas podem dar muito trabalho manual.

A versão digital pode ser acessada de qualquer lugar com conexão à internet e possui recursos como cálculos automáticos e fórmulas para facilitar o entendimento de seus gastos no longo prazo.

Esta planilha é uma parte importante de ter controle sobre suas finanças. Com ele, você pode realmente entender seus gastos e lucros, e ver quanto dinheiro resta se pretende investir ou economizar.

Além disso, as planilhas ajudam a:

  • Controlar as dívidas, 
  • Controlar saída e entrada de dinheiro;
  • Evitar problemas de financiamento mais sérios;
  • Manter os recursos na poupança.

O planejamento e o controle são parte importante do trabalho com finanças, seja para uma avaliação de imoveis valor para comprar uma casa, ou para realizar uma viagem internacional.

Poupança

Se você pensa em economizar, não há dúvida de que colocar o dinheiro na poupança é a primeira coisa que vem à sua mente. 

De fato, operar o dinheiro na poupança é bem simples, isento de imposto de renda, isento de taxas administrativas, fácil de sacar, e de baixo risco.

.

Ao pesquisar sobre poupança, você pode encontrar alguns conselhos de que investir na poupança não é bom porque os juros são muito baixos, então o lucro não é alto. 

Mas, embora seja muito menos lucrativo do que outras opções – 4,5% ao ano – não há problema em começar com ele. Afinal, começar do zero é um passo muito importante.

Portanto, se você optar por economizar, não se sinta mal por isso. Saiba que existem outras opções de renda mais alta, mas é uma aposta segura para quem quer começar.

Tesouro direto

Quando você estiver mais seguro para avançar, outro investimento muito popular é o Tesouro Direto. Assim como a poupança, também é seguro. Para você entender melhor, aqui você vai comprar títulos públicos (ou parte deles), emprestar dinheiro ao governo e ser pago. 

Os preços começam em R$ 30. Qualquer pessoa interessada pode fazer esse investimento – desde que tenha CPF e conta bancária. 

Para prosseguir, você deve escolher um banco ou corretora, que irá lidar diretamente com o Tesouro. É importante ter em mente que há uma taxa de administração para isso.

CDB

Um certificado de depósito bancário ou CDB é um título de renda fixa emitido por um banco que utiliza esse mecanismo para obter recursos. 

Sua lógica é muito parecida com a do Tesouro Direto, só que aqui empresta dinheiro para instituições financeiras, ganhando um percentual de juros sobre o valor emprestado. 

Ou seja, você desiste temporariamente do seu dinheiro e, dentro de um prazo acordado, resgata o valor com uma correção.

É também um investimento seguro. Embora a probabilidade de falência do banco seja muito maior do que a do governo, como é o caso do Tesouro Direto, existe o Fundo Garantidor de Crédito (FGC). 

Previdência Privada

A previdência privada é uma pensão, mas não está vinculada ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). 

Aqui você pode escolher quanto doar e com que frequência investir no diretor. E, claro, quanto mais você contribuir, mais você receberá no futuro. 

É uma boa opção de investimento para quem ganha pouco e quer garantir uma renda na aposentadoria. 

Ou seja, é um ótimo investimento para quem pensa no futuro, como obter uma renda extra enquanto os filhos vão para a faculdade ou até mesmo complementar uma pensão normal do governo.

Os fundos de pensão são fornecidos por seguradoras e, o mais interessante, nesse tipo de plano, o dinheiro pode ser resgatado no saque. Se o titular falecer, a renda é liberada para o beneficiário sem fazer um inventário.

Você ainda tem algumas opções na previdência privada, começando pelos impostos. Pode ser progressivo, tem isenções até um determinado valor, variando de 7,5% a 37,5% dependendo dos saques mensais.

Ou seja, são melhores para quem tem valores menores, ou para quem começa com 35. O percentual regride para os dois primeiros anos, depois diminui a cada dois anos até atingir 10%, independentemente do valor sacado.

 Além disso, você pode escolher como usar seus recursos: comprar renda da seguradora ou sacar fundos gradualmente quando o plano expirar.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,