COMEMORANDO A LÍNGUA PORTUGUESA

Fernando Pessoa afirmou que a “sua pátria era a língua portuguesa”. Olavo Bilac escreveu que o português era “a última flor do Lácio”, fazendo referência ao Latim de onde a língua se originou. Clarice Lispector afirmou que fez da “Língua Portuguesa sua vida interior”.

A língua é o instrumento que o ser humano tem para contar a sua passagem pelo mundo, pela vida. É com a língua que eternizamos sentimentos, emoções, criatividade e conhecimento, é com a língua que registramos a nossa evolução através do tempo e do espaço.

05 de novembro é o Dia Nacional da Língua Portuguesa, data comemorada oficialmente desde 2006, a partir de projeto do então senador Papaleo Paes, aprovado pelo Congresso. Ele ressaltou que a língua portuguesa foi um dos elementos que permitiu a formação da nação brasileira.

A data é um momento especial para que todos os povos e nações que compartilham a língua portuguesa desenvolvam atividades de promoção da cultura do idioma português pelo planeta. A língua portuguesa é não só uma das línguas mais difundidas no mundo, com mais de 265 milhões de falantes espalhados por todos os continentes, como é também a língua mais falada no Hemisfério Sul. O português continua a ser, hoje, uma das principais línguas de comunicação internacional, e uma língua com uma forte extensão geográfica, destinada a aumentar. Além do Brasil, outros países adotam o português como idioma oficial: Portugal, Angola, Cabo Verde, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Timor-Leste, Guiné-Bissau e Guiné Equatorial. Atualmente, a língua portuguesa é o 5º (quinto) idioma mais falado do planeta. É a única língua que tem a palavra SAUDADE.

A escolha da data, 5 de novembro, é uma homenagem ao escritor e político brasileiro Ruy Barbosa, que nasceu em 5 de novembro de 1849, e é considerado um grande estudioso da língua portuguesa.

Outra data que também celebra a Língua Portuguesa é 10 de junho, comemorada principalmente em Portugal (o berço do idioma português). A escolha desta data é uma homenagem ao icônico poeta Luiz Vaz de Camões, o autor de Os Lusíadas, que faleceu neste dia em 1579.

E viva a Língua Portuguesa, nosso maior patrimônio!

Luiz Carlos Amorim

Coordenador do Grupo Literário A Ilha em SC, com 31 anos de atividades e editor das Edições A Ilha, que publicam a revista Suplemento Literário A Ilha e mais de 50 livros editados. Eleito Personalidade Literária de 2011 pela Academia Catarinense de Letras e Artes. Ocupante da cadeira 19 da Academia Sul Brasileira de Letras. Editor do portal ProsaA, Poesia & Cia. (Http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br ) e autor de 27 livros de crônicas, contos e poemas, três deles publicados no exterior.  Blog:  http://lcamorim.blogspot.com
Categorias

Deixe seu comentário