Deus, a seara e o trabalhador

“O Senhor dará chuvas às sementes com que proverdes o solo e o pão que produzir a terra será nutritivo e saboroso. Naquele dia teu gado pastará em vastas pastagens.”

(Isaías, 30:23)

A vida na Pátria da Verdade (o Mundo Espiritual) não é uma abstração, mas, sim, realidade avassaladora, como o tempo provará. De suas fronteiras, desce ao ser humano incomensurável mensagem de Esperança, posto que à dor, companheira contumaz da existência terrestre, sobrevirá a luz da Eternidade, de acordo com o que houvermos semeado na Terra. A colheita lá depende de nosso cultivo aqui. Nada mais justo. Portanto, usemos bem a seara que Deus nos oferece no plano das formas, de maneira que, nesse solo fértil, plantemos a semente da transformação de nós mesmos, que resultará no amadurecimento das coletividades.

José de Paiva Netto

José de Paiva Netto

José de Paiva Netto é jornalista, radialista e escritor. [email protected] - www.boavontade.com
Categorias