77 3441-7081 — [email protected]

Fligê 2018 amplia programação e participação de jovens

Por Joana D’Arck
A Feira Literária de Mucugê (Fligê) chegará à sua terceira edição, no período de 16 a 19 de agosto, com uma grade de programação mais robusta e diversificada, aberta ao público em diferentes espaços da histórica e aconchegante cidade de Mucugê. Às conferências, mesas de conversa, concertos lítero- musicais, lançamento de livros, leituras guiadas, contação de histórias, intervenções artísticas e exibição de filmes e shows, que se constituem em fortes atrativos da feira desde a primeira edição, serão somadas atividades desenvolvidas por alunos da rede pública de ensino, que devem atrair especialmente o público jovem.
A Fligê já se notabiliza como a terceira feira literária do estado e uma forte alternativa para interiorizar o incentivo à cultura na Bahia. A curadora da Fligê, Ester Figueiredo acrescenta ainda o fato de se tratar de um evento aberto ao público, totalmente gratuito, que tem atraído pessoas de dentro e fora do país e, especialmente, da região da Chapada Diamantina, onde está situada a cidade de Mucugê.
Nesta terceira edição, a Feira literária realizada pelo Instituto Lavra- Literatura Artes Visuais e Outras Realidades Afins -mantém-se custeada com recursos de emenda parlamentar do deputado federal Waldenor Pereira (PTl), do Ministério da Cultura (Minc) e da Secretaria Estadual de Cultura (Secult). Desta vez trará o tema “Literatura e resistência: a vida nos rastros da palavra”, que vai nortear toda a programação.
A entrada de atividades culturais desenvolvida por estudantes da rede pública estadual  na programação é uma proposta da Secretaria Estadual de Educação, que também chega para apoiar o evento.  Depois de conversar com o secretário da Educação, Walter Pinheiro, a curadora  Ester Figueiredo esteve reunida, na última segunda-feira (21), com o superintendente de Educação Básica, Ney Campelo, e sua equipe de assessores. O encontro constou de apresentação de propostas de exibição de programas culturais desenvolvidos nas escolas, e definição de espaço a ser utilizado pela SEC no circuito da feira.

Jornal do Sudoeste

Categorias