77 3441-7081 — [email protected]

Gerente de loja é condenado por assédio sexual em Vitória da Conquista

Por Ascom/Sindicato dos Comerciários

 

Desde o século XVIII as mulheres intensificaram as lutas pelos seus direitos, relacionados à educação, voto, divórcio e trabalho. Até então eram tidas como “Rainhas do Lar” ou mesmo incapazes de exercer uma série de direitos.

Com muita luta, elas conquistaram seu espaço e ainda continuam buscando a igualdade de condições de gênero.

Mas apesar destes avanços, não é difícil encontrar no mundo do trabalho, mulheres vítimas de diversos tipos de ações machistas e retrógradas, como o Assédio Moral e Assédio Sexual.

O Departamento Jurídico do Sindicato dos Comerciários, através da advogada Camila Costa, acionou uma Empresa do Comércio de Vitória da Conquista pela prática destes dois tipos de abuso contra uma funcionária, que sofreu um verdadeiro terror psicológico. O gerente praticava assédio moral e sexual  com gestos, palavras e ações, conforme consta no processo, usando de sua posição hierárquica para deixar claro a sua intenção de ter relação sexual com sua funcionária, que é casada.

Apesar da negativa do acusado, a prova em áudio apresentada pela vítima não deixou dúvidas sobre o acontecido, o que levou o Juiz do Trabalho, Sebastião Martins Lopes, condenar o gerente da empresa ao pagamento de uma indenização por Assédio Moral e Sexual e demais verbas referente ao processo.

 

Foto de Capa: Thinkstock

Jornal do Sudoeste

Categorias