Na vida não há campeão invicto

Sabemos que a vida é um jogo, onde não devemos dar por fato consumado, nem  vitórias ou derrotas. Em toda vitória existe derrotas derrotadas construtoras de êxitos pelo nosso aprendizado. As sensações das derrotas são  irreversíveis nos levam ao fracasso absoluto.  Chegamos a acreditar em vitórias, perdendo de quatro a um, aos trinta e cinco minutos do segundo tempo. O otimismo, nos impulsiona a virada mirabolante, em nossa existência. A vitória, primeiro tem que ser desejada, com convicção para depois ser consumada.

Aprendi na minha vivência que  realização dos sonhos tem que ser com alarde, pois é impossível uma grande façanha, sem exposição ao ridículo, visto que todo começo de nossas grandes utopias são aventuras. Há alguém que, acha que para sociedade só devemos apresentar resultados. Agir escondidamente. Esta receita só serve, para sonhos modestos. Acho impossível não dar visibilidade ao nascer das grandes fantasias, pois suas implantações exigem, de nós ousadia e coragem, para jogar no sol do meio dia.

A faraônica realização nasce solitariamente. A sociedade costuma não dar credibilidade para excepcionalidade. Se você, é realmente dono de seus sonhos, passará a ser escravo de sua execução. Se mantiver firme, nas adversidades, chegará ao fim vitoriosamente.

Reconheça que não existe campeão invicto, e que   as derrotas impregnadas, nos êxitos engrandecem as conquistas. Busque, dar passos firmes ,e, quando aparecem obstáculos, procure pular, e se as barreiras forem quase instransponíveis aí, é só com voo. A certeza da realização é capaz de ser desfeita pela grandeza das adversidades.

Até no amor existem muitas derrotas, enquanto a vitória final não chega. O importante é estar calçado para enfrentar os espinhos encontrados caminhando sempre, pois o relacionamento campeão, é aquele que não determina obstáculos que a vida impõe, ou melhor, transpõe, com astúcia e bravura.

Juarez Alvarenga

Juarez Alvarenga

Advogado e Escritor
Categorias

Deixe seu comentário