Prefeito Eduardo e representantes da PM se reúnem e visitam as estruturas onde vai funcionar o Colégio Militarizado de Itambé

Por Nicolaia Carneiro/Ascom/PMI

 

Foto de Capa: Ascom/PMI.

Uma educação que transforma é prioridade para atual gestão de Itambé. Por isso a implantação do Escola Municipal Militarizada foi uma luta travada pelo prefeito Eduardo Gama, juntamente com outras autoridades, para garantir o funcionamento do prédio do Colégio Gilberto Viana e oferecer um ensino diferenciado aos jovens itambeenses.

Para discutir alguns pontos importantes da implantação da instituição de ensino, na última quarta-feira (5) aconteceu uma reunião com a presença do prefeito Eduardo, do Capitão PM Dalmo, do Major PM Horta, da Tenente PM Juliana e da secretária de Educação Alecciene Gusmão. Em seguida, todos se dirigiram às dependências do CEGV para avaliar o espaço e toda estrutura que o prédio vai oferecer aos estudantes.

“A estrutura já pronta do Gilberto Viana é bem adequada ao trabalho desenvolvido dentro da metodologia de ensino militarizado. A isso se soma a nossa vontade de oferecer uma experiência inovadora dentro da proposta de ensino em Itambé. Temos certeza que vamos colher bons frutos”, destacou o prefeito.

De acordo com Eduardo, com um ensino baseado sobretudo na disciplina e foco na formação completa do estudante, o Colégio Militarizado vai oferecer fardamento completo e livros gratuitos, quadra de esporte, laboratório de informática, laboratório de Ciências, aulas de música, entre outros. Tudo isso contando com uma equipe altamente qualificada.

O Colégio Militarizado vai atender alunos do 6º ao 9º ano e as inscrições seguem até esta sexta-feira (7),na sede da Secretaria Municipal de Educação.

Foto de Capa: Ascom/PMI.

Jornal do Sudoeste

Categorias