PT DE BRUMADO COLOCA A OCUPAÇÃO DE CARGOS ACIMA DOS INTERESSES DO MUNICÍPIO

Brumado, terra de gente ordeira, trabalhadora e feliz. É também o município que dispõe de um dos melhores índices de desenvolvimento social e econômico da região. Como toda cidade, ela também precisa aglutinar um amplo leque de forças sociais, políticas e empresariais, no sentido de assumir o compromisso de se debruçarem na elaboração de uma verdadeira radiografia dos problemas que ainda nos afetam, identificar suas origens e propor soluções concretas, no sentido de construir novos caminhos para fazer o município avançar cada vez mais rumo ao progresso. Contudo, a sociedade brumadense vive um momento inusitado de profunda decepção política, em razão da postura adotada pelo diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de entrar em rota de colisão com os anseios da população brumadense. Ao contrário do PMDB, cujos resultados do trabalho estão por todos os quadrantes do município, as últimas posições firmadas pelos petistas deixam a impressão de que a sigla é apenas uma força que busca o poder a qualquer preço, pois diante da melhor chance de ocupar espaços e apresentar um projeto de desenvolvimento para Brumado, resolveu dedicar-se exclusivamente ao fisiologismo para empregar os filiados da legenda em cargos do governo do Estado.

Brumado fica localizada em um importante entroncamento rodoviário – entre as rodovias BA’s 262 e 148 e a BR 030 – e ferroviário, o que torna o município um pólo regional. Além disso, temos uma economia pujante, baseada na mineração e no comércio. A mineração é a maior fonte de riqueza da cidade, sendo o setor que gera a maior parte dos empregos. O comércio também tem obtido resultados positivos, fato que desperta o interesse de empresários de várias regiões da Bahia. Mas o PMDB local sempre entendeu que essas vantagens comparativas não bastavam para construirmos uma Brumado mais moderna. Por isso, em 2006, ao ajudar eleger o governador Wagner e renovar o mandato do presidente Lula, entre as inúmeras preocupações que ocupavam o partido, uma era prioritária:  apresentar propostas que contemplassem em seu bojo o direcionamento de elevados investimentos para alavancar os setores estruturantes do município. Para empreendê-las tivemos capacidade técnica e iniciativa política. Ocupamos espaços administrativos no governo federal e estadual, não com a finalidade de saborear as "benesses do poder", mas para promover a fiel aplicação dos programas governamentais, perto do pulsar das ruas, para executar os projetos que resultaram na melhoria das condições de vida da população.

Nos últimos três anos demos um salto notável. E não posso deixar de registrar pontualmente a contribuição do nosso partido à frente desse processo. Ampliamos o abastecimento de água, em quantidade e qualidade, através da construção de barragens, perfuração de poços artesianos, sistemas simplificados e a instalação de cisternas; Hoje a energia elétrica alcança quase todos os domicílios da zona rural, uma vez que já foram realizadas milhares de ligações; não nos esquecemos de reinvidicar benefícios para a educação pública, gratuita e de qualidade, porque o nível cultural de uma cidade cresce e a qualidade dos serviços prestados melhora, a partir do momento em que seus membros se educam. Portanto, nesta área, foram implantados os cursos profissionalizantes no Colégio Modelo, os quais promovem a capacitação dos jovens para o mercado de trabalho; em outra vertente, o PMDB de Brumado também se preocupou com a recuperação e modernização da nossa infra-estrutura de transportes. Viabilizamos a restauração das vias de escoamento da produção da região, mediante o início da recuperação das rodovias BA’s 148, 262 e 263, assim como da BR 030. Além disso, conseguimos a pavimentação asfáltica das principais ruas e avenidas do centro da cidade, bem como das vias de acesso ao Distrito de Itaquaraí e ao Bairro do Esconso; a inclusão digital e a geração de emprego e renda foram igualmente contemplados, a partir da implantação de infocentros e da construção da Industria Cidadã e da agroindústria do Umbu; e aumentamos a qualidade da prestação dos serviços de saúde. Conseguimos a liberação de recursos para continuar a ampliação do Hospital Magalhães Neto, aplicação de R$ 600 mil para aquisição de equipamentos e a construção de uma unidade de saúde da família, dotado de consultório odontológico, no Bairro Olhos D’Água. Portanto, fizemos mais do que muitos imaginavam possível. E quando o fizemos, percebemos que precisamos fazer sempre muito mais. Que não podemos descansar sobre os êxitos já alcançados.

Nosso olhar atento deve estar sempre voltado não para os obstáculos superados, mas para o que ainda falta fazer.

É assim que trabalha os políticos compromissados com o desenvolvimento econômico e com a responsabilidade social de Brumado, uma vez que as retromencionadas ações não deixam dúvidas que o PMDB de Brumado atua em parceria com as entidades governamentais colocando os interesses do Município em primeiro lugar. Contudo, para nossa tristeza, o que se vê hoje em Brumado na postura do Partido dos Trabalhadores, é o avesso do que ocorre no âmbito do PMDB. Aproveitando-se deste momento de definições pré-eleitorais, os membros do diretório municipal do PT se apressaram em reinvidicar cargos, “em nome do partido”, mesmo sem ter a preocupação de sequer apresentar aos brumadenses um plano de ação governamental e de metas a serem atingidas, no sentido de melhorar a vida das pessoas. Muito pelo contrário, não hesitaram em jogar por terra as antigas bandeiras da legenda e dobraram os seus joelhos diante do fisiologismo para saciar única e exclusivamente sua fome de poder. É lamentável ver um partido, o PT, que deveria estar vivendo na plena idade da razão, ser apropriado indevidamente, para promover o afilhadismo na hora da contratação, em cargos de confiança, de correligionários desqualificados profissionalmente. A bem da verdade, vale dizer que a mera ocupação de cargos moldados sob o signo do improviso, da ausência de planejamento, não constrói absolutamente nada de positivo na vida pública. Não há governo eficiente na condução das políticas sociais e econômicas, sem praticar a boa gestão pública, porque na ausência dela não há condições de darmos respostas efetivas, com seriedade e competência, às novas demandas para sustentabilidade do município. Ademais, é imperioso ressaltar que, em repúdio às posturas condenáveis do PT local, a população não agraciou a sigla com votos suficientes para sequer para atingir o coeficiente eleitoral nas eleições do ano passado, deixando os petistas sem um único representante no poder legislativo municipal. Nos levando a concluir que o PT de Brumado não existe nem em votos, nem representatividade e muito menos em competência para ocupar funções na administração pública.

Não faremos nossa cidade avançar rumo a um novo ciclo de desenvolvimento nos amesquinhando em torno de projetos pessoais. Hoje, temos que nos debruçar sobre o que são os desafios para criamos as bases para a construção de uma nova realidade em Brumado. Este momento exige de cada um de nós, que temos responsabilidade pública, mais que maturidade: competência e um forte sentimento de esperança e fé no futuro. Portanto, devemos captar muito mais recursos para desenvolvermos outros grandes projetos para o nosso município. A locomotiva que puxará esta nova fase, será a passagem da ferrovia oeste-leste pela cidade, o que demandará fortes investimentos em todas as áreas. A começar pela infra-estrutura, pois sabemos que a mesma ainda não atende as necessidades do setor produtivo. Há uma enorme carência por maiores investimentos em obras estratégicas e serviços públicos que certamente pavimentarão um crescimento sustentável e de longo prazo. Por isso, é de fundamental importância a construção um grande centro de distribuição de insumos e equipamentos, o qual melhorará o escoamento da produção de grãos, algodão, frutas, minérios, etc que serão conduzidos até o Porto de Ilhéus. A saúde precisa dar um salto de qualidade com a incorporação de novos serviços médicos ao Hospital Magalhães Neto, como Tomografia, ultra-sonografia com Dopler, sistema SAMU 192, UTI e UTI neo natal.  E temos que avançar também na educação, por que entendemos a clara relação existente entre este setor e a capacidade de uma nação potencializar o seu desenvolvimento. Neste quesito, menciono a construção da sede própria da UNEB que, além de proporcionar mais conforto aos estudantes, oferecerá as condições necessárias para a criação de novos cursos.

Sendo assim, fica claro, que apesar de saber que a política tem sua lógica própria, causa tristeza ver uma instituição como o PT ser convertida em um simples balcão de negócios; apesar de não ser petista, revolta-me o fato de bandeiras históricas do partido dos trabalhadores e, sobretudo, os interesses maiores de Brumado serem jogados na lata de lixo por conta de interesses particulares mesquinhos. Ao ver tudo isso, não sinto apenas tristeza, sinto preocupação! Contudo, sabemos que cada geração tem o seu compromisso com a história. O nosso maior compromisso, entre tantos, talvez seja o de demonstrar que é possível trabalhar com despreendimento pelo bem comum. Precisamos de uma necessária convergência municipal entre homens e mulheres de bem, para construir novos consensos, a partir do que nos aproxima, e não simplesmente inviabilizá-los, motivados pelo embate entre o que nos distancia. Em que pesem nossas diferenças – e é natural que elas existam -, podemos convergir pensando primeiro em nosso município. Nesse particular, sinto, sinceramente, que estamos muito mais preparados para enfrentar os desafios e vencê-los, com determinação, soma de esforços e trabalho coletivo. Como disse Fernando Pessoa: “quando Deus quer, o homem sonha, a obra nasce”.

Se agirmos assim, o resultado será a consolidação do desenvolvimento de Brumado.

 

Júlio César Cardoso

Júlio César Cardoso

Bacharel em Direito e servidor federal aposentado. Balneário Camboriú-Santa Catarina.
Categorias