77 3441-7081 — [email protected]

Sempre bem

Em um belo dia de sol, eles se encontram:

“Como vai?”

– Nada bem.

Depois de um longo período de seca, a chuva cai torrencialmente quando eles se encontram:

“Como vai?”

– Nada bem.

Os negócios estão de vento em popa, dinheiro entrando sempre, tudo dando certo quando eles se encontram:

“Como vai?”

– Nada bem.

No dia da inauguração da casa, a mais linda do condomínio eles se esbarram:

“Como vai?”

– Nada bem.

E assim acontece quando seu time se consagra campeão, quando seu filho nasce, quando retorna de uma longa e bem sucedida viagem de férias, em formaturas, conquistas, alegrias e grandes vitórias:

“Como vai?”

– Nada bem.

Não importa para que lado o vento sopre, ao ouvir a pergunta, a resposta é sempre a mesma:

– Nada bem.

Sendo assim, desisto de perguntar, afinal, para algumas pessoas, sempre estará faltando alguma coisa, o copo sempre estará meio vazio.

Azedas criaturas.

Melhor encantar-se com o sol do belo dia, com a chuva depois da seca e aproveitar chuva ou sol para emoldurar a beleza de tudo que acontece, pois a beleza, essa sim, nada de braçada e sempre bem.

Vivi Antunes é ajuntadora de letrinhas e assim o faz às segundas, quartas e sextas no www.viviantunes.com.br

 

 

 

 

Vivian Antunes

Vivian Antunes

Vivi Antunes é ajuntadora de letrinhas e assim o faz às segundas, quartas e sextas no www.viviantunes.com.br
Categorias