Uesb inicia Ensino Remoto Emergencial no dia 19 de outubro

Por Ascom/ Uesb

 

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) aprovou o retorno das aulas de graduação, por meio do Ensino Remoto Emergencial (ERE). As atividades pedagógicas não presenciais, que darão continuidade ao semestre letivo 2019.2, irão começar na próxima segunda, 19.

O professor Reginaldo Pereira, pró-reitor de Graduação, destacou que a volta das atividades acadêmicas da Uesb é resultado de um trabalho coletivo, que envolveu demandas específicas, como a elaboração da Resolução 022/2020 que regulamenta a modalidade excepcional de ensino na Universidade. Além da elaboração do Plano de Formação Docente em Tecnologias Digitais, que está em processo de conclusão, foram publicados o Edital de Inclusão e Acessibilidade Digital para os Discentes, o Edital de Monitoria de Apoio Tecnológico aos Docentes e o Edital de Apoio Psicológico.

“A administração da Uesb conseguiu cumprir todas as etapas previstas, desde a decisão do Consepe de 9 de julho [que aprovou o Ensino Remoto Emergencial na Instituição]. Para nós, é motivo de alegria a retomada do ensino de graduação, voltando às atividades de estudo, trabalhos e pesquisas, para finalizarmos 2019.2”, afirmou o pró-reitor.

Ele também lembrou que “na Bahia, a Uesb é a primeira instituição [pública] que retoma as atividades com Ensino Remoto Emergencial, de forma regular”. O objetivo é que a retomada aconteça de “forma tranquila, mantendo o padrão de qualificação acadêmica, técnica, científica, social e crítica, que sempre apoiou a formação dos nossos estudantes”, completou o professor Reginaldo.

Segundo a Resolução, os colegiados de cada curso informarão aos discentes a relação das disciplinas que serão ofertadas por meio do ERE, além da disposição das atividades síncronas e assíncronas. Acompanhe tudo sobre o retorno no site do Ensino Remoto Emergencial.

Foto de Capa: Divulgação.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,