VITÓRIA DA CONQUISTA: Prefeita promove reunião para avaliar impactos das chuvas e pede atenção redobrada da população

Por Redação *

A prefeita Ana Sheila Lemos Andrade (DEM) esteve reunida durante toda a manhã com membros do primeiro escalão do Governo Municipal, técnicos da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil e representantes da Polícia Militar Rodoviária Estadual, para avaliar o impacto das fortes chuvas que caíram desde a noite de ontem, as ações já desenvolvidas e formatar novas intervenções para atender às famílias afetadas e chegar às regiões que já estão ou correm o risco de ficar isoladas, além de formatar as providências a serem adotadas para recuperar as áreas atingidas.

 De acordo com dados divulgados pela Secretaria Municipal de Comunicação Social, em alguns pontos da cidade chegou a chover 102,25 mm (Bairro Patagônia), tendo a média registrada na sede municipal ficado em 81,76 mm. Equipes de diversas Secretarias Municipais estão trabalhando nas áreas de risco, promovendo a limpeza e desobstrução emergencial de vias e no trânsito. A orientação da prefeita foi para que toda a estrutura da Administração Municipal esteja de prontidão, considerando principalmente porque há previsão é que as chuvas devem continuar e com a mesma intensidade.

Foto: Secom/PMVC

Na reunião, na manhã deste sábado, que contou com a presença das equipes que estão atuando nas diversas localidades mais impactadas pelas chuvas, Ana Sheila Lemos reforçou a determinação para que as equipes promovam ações imediatas para auxiliar as famílias mais prejudicadas, que tiveram as casas invadidas pelas águas ou correm o risco de serem inundadas e as que apresentam riscos de desabamento,  para que sejam encaminhadas a abrigos que estão sendo improvisados em prédios públicos (Escolas e Creches Municipais). A preocupação maior é com as barragens que apresentam riscos de rompimento.

Na zona rural diversas localidades já estão em situação de emergência, com alagamento de áreas habitadas, em razão do rompimento de barragens e açudes. Uma situação, em particular, é apontada como de grande preocupação. Trata-se da barragem da Fazenda Beija-Flor, localizada às margens da BA-263, onde é iminente o risco de rompimento. O reservatório, segundo os proprietários, já está sangrando em razão do grande volume de água que acumula, o maior desde a sua construção.

A barragem da Fazenda da Fazenda Beija-Flor, localizada às margens da BA-263, que ameaça romper está sendo monitorada. (Foto: Divulgação/Redes Sociais)

A prefeita Ana Sheila Lemos Andrade fez um apelo para que a imprensa seja parceira do poder público e ajude na divulgação das recomendações que estão sendo feitas pelos técnicos da Defesa Civil e órgãos da Segurança Pública – Polícia Militar, Policia Militar Rodoviária Estadual e Polícia Rodoviária Federal – para alertar a população sobre as áreas de risco que devem ser evitadas e para apontar os locais onde estão sendo montados abrigos e poderão ser encaminhadas doações (alimentos, cobertores, roupas e material de limpeza).

Foto: Secom/PMVC

“Já temos muitos locais que a água de reservatórios invadiu e estamos atuando nesses pontos, mas, agora, quero fazer um apelo às pessoas para evitarem trafegar nas regiões alagadas ou ameaçadas pelas barragens que podem se romper, em especial a da Fazenda Beija-Flor que, se Deus livre e guarde romper, vai causar muitos estragos em todas as localidades do entorno da BA 263, na região dos Rios Verruga e Periquito”, alertou a prefeita.

No início da tarde, a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista e a Polícia Militar  Rodoviária Estadual reforçaram a recomendação para que as pessoas evitem trafegar pelo trecho da BA-263, entre a sede municipal e a Serra do Marçal.

Abrigos nas áreas com maior incidência de riscos de alagamentos

  • ZONA URBANA

o          Campinhos

          Abrigo: Escola Municipal Celina Alves

          Ponto De Apoio: Cras Tv. Jardim Valéria

          Ponto Focal:

          Colaboradores:

O         Lagoa Das Flores:

          Abrigo: Escola Municipal

          Ponto de Apoio: Creche Municipal Auxencio Dias De Oliveira

          Colaboradores:

  • ZONA RURAL

o          Choça

          Abrigo: Escola Municipal Robert Kennedy

          Ponto De Apoio:

O         Caiçara

          Abrigo:

          Ponto De Apoio:

          Colaboradores:

O         Itapirema

          Abrigo:

          Ponto De Apoio:

          Colaboradores:

O         Pradoso:

          Abrigo: Escola Municipal José Rodrigues Do Prado

          Ponto De Apoio: Posto De Saúde Pradoso

          Colaboradores:

 

Pontos de Arrecadação de Donativos

 ZONA LESTE

  • Escola Municipal Mário Batista (Urbis I)
  • Ponto Focal: Idelci (Diretora)

 ZONA OESTE

  • Caic – Centro Municipal Paulo Freire (Urbis Iv)
  • Ponto Focal: Jutahy (Diretor)

 CENTRO

  • Ginásio De Esportes Raul Ferraz
  • Ponto Focal: Alecxandre Magno

 ZONA SUL

  • Creche Pró Infância – Heleusa Câmara
  • Ponto Focal: Gelma (Diretora)

 

Prefeita determina suspensão das aulas presenciais

No início da tarde deste sábado, como parte das medidas emergenciais, a prefeita assinou o Decreto Municipal 21.592/21, publicado em edição extra do Diário Oficial do Município, determinando a suspensão das aulas presenciais na rede pública Municipal de Ensino da sede e zona rural, pelos próximos sete dias, podendo ser prorrogado.

Durante o período de suspensão das aulas presenciais, aponta a prefeita no Decreto, ficam mantidas as aulas e demais atividades acadêmicas realizadas de maneira remota, para que não haja prejuízos para os alunos matriculados nas Escolas Municipais situadas na Zona Rural.

*COM INFORMAÇÕES DA SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

Redacão Jornal do Sudoeste

Desde seu lançamento, o JS vem revolucionando a imprensa regional. Foi e continua sendo pioneiro na adoção de cores em todas as suas páginas e no lançamento de suplementos especiais que extrapolam o simples apelo comercial, envolvendo a comunidade em reflexões sobre temas de interesse geral por ocasião do Natal e dos aniversários de emancipação de municípios da sua área de abrangência de circulação.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,