Dispenso tuas flores,

Mais espinhos

Que flores.

Estou cansada

Dessa luta para nada.

Tentativas fracassadas

De fazer, ao menos,

Penumbra,

Já que a luz

É apanágio dos sóbrios

E sábia já sabias

Não o sou.

Tânia Martins

Categorias

Deixe seu comentário