Luciano Ribeiro clama por segurança pública na Bahia

A falta de compromisso com a segurança pública na Bahia foi o tema levado para a tribuna da Assembleia Legislativa pelo deputado Luciano Ribeiro – DEM em 16 de agosto, quando ressaltou: “esta não é a voz da oposição, é um clamor do povo”. O deputado se remeteu aos recorrentes assaltos aos bancos no Estado, desta vez, ocorrido na sua cidade natal – Caculé, na madrugada de 15 de agosto, relatando que a cidade não foi só vítima de assalto direcionado, foi uma verdadeira noite de horror, com aproximadamente 20 pessoas atirando com fuzis em toda a direção, inclusive contra a companhia de polícia, em plena noite de festividade quando se comemorava a emancipação política do município – no dia 14. “Uma noite de pesadelo, uma cidade toda assustada, além dos assaltos, vivemos com problemas de segurança nas estradas, não sabemos se locomovemos de carro ou de ônibus, onde os assaltos também são previsíveis, ocorrendo no mesmo local, temos inclusive aqui na Casa uma deputada vítima da ousadia dos bandidos. Não é possível viver num estado de terror e medo com tanta falta de segurança. É muita falta de governo. Nos resta apelar para a sensibilidade do governador em resolver este grande problema e garantir traquilidade a população”, conclamou Ribeiro, indicando ao Estado que torne a polícia mais eficiente, investindo em inteligência, nomeando os policiais civis e delegados concursados e aptos a serem nomeados, conforme prometido e assim, demonstrar que há uma preocupação efetiva, saindo só da propaganda.

Redacão Jornal do Sudoeste

Redacão Jornal do Sudoeste

Desde seu lançamento, o JS vem revolucionando a imprensa regional. Foi e continua sendo pioneiro na adoção de cores em todas as suas páginas e no lançamento de suplementos especiais que extrapolam o simples apelo comercial, envolvendo a comunidade em reflexões sobre temas de interesse geral por ocasião do Natal e dos aniversários de emancipação de municípios da sua área de abrangência de circulação.
Categorias