Na UTI, Herzém Gusmão toma posse como prefeito de Vitória da Conquista

Por Redação ([email protected])

Numa solenidade que poderia ter sido evitada se houvesse um mínimo de respeito e empatia por parte dos vereadores, o prefeito reeleito de Vitória da Conquista, Herzém Gusmão Pereira, 72 anos, tomou posse na tarde da sexta-feira (9), em um leito da Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde se recupera de complicações da Covid-19 desde o último dia 28 de dezembro.

A formalização da posse – depois da tentativa frustrada de ser empossado através de seu advogado, Ademir Ismerin Mesquita, por procuração, no dia 1º de janeiro – atendeu a um dispositivo previsto na legislação vigente que prevê a obrigatoriedade do eleito ser formalmente empossado até o dia 10 de janeiro. No caso do prefeito reeleito de Vitória da Conquista, bastaria que a Câmara Municipal aprovasse, em regime de urgência, uma Resolução alterando esse dispositivo excepcionalmente, considerando todas as implicações da situação pandêmica que experimentamos e o fato do prefeito reeleito e diplomado pela Justiça Eleitoral estar, momentaneamente, impedido de comparecer para efetivar o ato de posse.

A posse do prefeito, mesmo por videoconferência a partir da UTI do Hospital Sírio Libanês não foi consensual. Dos 20 vereadores que participaram da Sessão Solene Extraordinária convocada pelo novo presidente da Casa, vereador Luís Carlos – Dudé – Batista de Oliveira (MDB), um votou contra a solenidade. O líder da oposição, vereador Valdemir Oliveira Dias (PT), justificou a ausência por estar viajando.

O voto contrário foi do vereador oposicionista Francisco – Chico – Estrela Dantas Filho (PTC), que justificou a decisão não baseado em respeito à dignidade humana ou qualquer outro sentimento que pudesse merecer destaque, mas com base em critérios econômicos. Ao se posicionar, o trabalhista cristão apontou que o salário mensal destinado ao prefeito empossado (R$ 25 mil), poderia ser revertido para ações de combate à pandemia da Covid-19.

Visivelmente debilitado, o prefeito fez o juramento e logo após agradeceu a população pela reeleição, aos vereadores e a vice-prefeita (Ana Sheila Lemos Andrade, do DEM), reforçando sua confiança e fé em Deus que logo estará na cidade para assumir, de fato, a chefia do Executivo Municipal.

Empossado, Herzém Gusmão Pereira segue afastado e a vice-prefeita Ana Sheila Lemos Andrade (DEM) continua interinamente à frente da Administração Municipal.

Redacão Jornal do Sudoeste

Redacão Jornal do Sudoeste

Desde seu lançamento, o JS vem revolucionando a imprensa regional. Foi e continua sendo pioneiro na adoção de cores em todas as suas páginas e no lançamento de suplementos especiais que extrapolam o simples apelo comercial, envolvendo a comunidade em reflexões sobre temas de interesse geral por ocasião do Natal e dos aniversários de emancipação de municípios da sua área de abrangência de circulação.
Categorias ,