Prorrogada proibição de corte de luz por inadimplência

Iniciativa deve beneficiar aproximadamente 12 milhões de famílias

 

Por: Larissa Lago 

Durante audiência na Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu prorrogar por mais três meses a proibição de corte de energia por inadimplência para os consumidores de baixa renda.

A medida tem como objetivo garantir a continuidade do fornecimento para os que, em razão da pandemia de Covid-19, não têm condições de pagar a sua conta. Em março, a Aneel havia decidido suspender o corte de energia por inadimplência para esta faixa de consumidores até 30 de junho. Com a prorrogação aprovada, a proibição vai valer até o fim de setembro.

Segundo a Aneel, a iniciativa deve beneficiar aproximadamente 12 milhões de famílias, que estão inscritas no Cadastro Único, com renda mensal menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa.

 

Foto da capa : Unsplash
Fonte: Brasil 61

Jornal do Sudoeste

Os comentários são de responsabilidade de seus autores.

Deixe seu comentário

Categorias ,