Quatro jovens baianos são finalistas no concurso de inovação Campus Mobile com projetos voltados para Saúde e Educação

Promovida pelo Instituto Claro, iniciativa reúne universitários e
recém-formados de todo o Brasil para o desenvolvimento de soluções tecnológicas voltadas para o impacto social

Por Ascom/ Instituto Claro

A Bahia ganhou destaque na 9ª edição do Campus Mobile com dois projetos entre os 18 escolhidos para a fase final do concurso de inovação e empreendedorismo, realizado pelo Instituto Claro em parceria com a Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC), a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) e o beOn – Hub de Inovação da Claro. As soluções, desenvolvidas por quatro representantes de instituições de ensino baianas, têm foco no segmento mobile e priorizam as áreas de saúde e educação, utilizando a tecnologia como ferramenta para a transformação social.

Criado por Antonio Lêvi Pinto de Jesus, Carina Silva de Sá Santos e Fernando José de Jesus Silva, representantes da Faculdade Anísio Teixeira, o aplicativo para smartphones BemAli foi formatado para auxiliar na manutenção da saúde e no dia a dia das pessoas que convivem com algum tipo de alergia ou intolerância alimentar.

Já na área de educação, mas com funcionalidades que cruzam com o universo da saúde, o Educação + Cuidados de Saúde = – Doença (E+CS=-D) é uma plataforma que traz conteúdos educacionais especialmente desenvolvidos para atuar na disseminação de informações para a manutenção de hábitos saudáveis, cuidados e prevenção de doenças. A iniciativa é de autoria de Darlei Pereira da Silva, da Fundação Universidade Federal do Vale do São Francisco.

Cada solução proposta concorre com outros dois projetos em cada uma das seis categorias do Campus Mobile: Saúde, Diversidade, Smart Cities, Smart Farms, Educação e Games.

Neste ano, 10 estados brasileiros estão representados na final, sendo: São Paulo – com cinco projetos e sete estudantes; Minas Gerais – com quatro projetos e sete estudantes; Pernambuco – com dois projetos e seis estudantes; Ceará – com dois projetos e cinco estudantes; Bahia – com dois projetos e quatro estudantes; Paraíba – com um projeto e três estudantes; Pará – com um projeto e um estudante; Paraná – com um projeto e um estudante; Rio Grande do Sul – com um projeto e um estudante; Rio de Janeiro – com um projeto e um estudante.

Os vencedores do concurso serão premiados pelo Instituto Claro com uma viagem ao Vale do Silício, na Califórnia, Estados Unidos, para uma imersão nas principais empresas de tecnologia do mundo. O resultado, com a indicação dos vencedores, será divulgado no mês de maio.

SOBRE O CAMPUS MOBILE

O Campus Mobile é um concurso de inovação e empreendedorismo que busca estimular estudantes universitários e jovens recém-formados a desenvolverem soluções por meio de aplicativos, produtos e serviços do segmento mobile que promovam impacto social e benefícios à população. A iniciativa é realizada pela Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC), com patrocínio do Instituto Claro e apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) e do hub de inovação da Claro beOn. http://www.institutoclaro.org.br/campus-mobile/
Foto de Capa: Divulgação.

Jornal do Sudoeste

Categorias ,