Skip to content
77 3441-7081 — [email protected]

Secti discute com deputado Zé Raimundo as novas diretrizes e Ciências e Tecnologia da Bahia

Por  Joana D’arck 

 

O deputado Zé Raimundo recebeu a visita de coordenador Executivo de Articulação Institucional da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), Sócrates Santana, e a assessora Maria Auxiliadora, que foram ao seu gabinete, em Salvador, para apresentar e solicitar apoio para às diretrizes e atividades que a nova secretária estadual, Adélia Pinheiro, quer implantar em sua gestão, dentre as quais, o calendário de atividades, com ênfase na Semana da Popularização da Ciência e as conferências municipais sobre tema.

Eles conversaram sobre a proposta de um novo marco legal para política de Ciência e Tecnologia na Bahia e os programas da SECTI, solicitando de Zé Raimundo, na condição de presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa da Bahia, a participação, juntamente com deputados de outras comissões e os líderes partidários, no debate do tema no ambiente da ALBA. Nesse sentido, ficaram de combinar com o líder do Governo e outras comissões sobre a realização de audiência pública. A ideia do evento objetiva aprofundar sobre os fundamentos legais do marco de ciência e tecnologia na Bahia propostos pelo Executivo.

Professor Universitário e ex-prefeito de Vitória da Conquista (2002/2008), Zé Raimundo louvou as iniciativas da SECT e disse que elas estão afinadas com as ações do seu mandado que, em parceria com o deputado federal Waldenor Pereira, demonstram o compromisso e interesse no desenvolvimento da ciência e tecnologia, a exemplo da destinação de recursos de emenda parlamentar para o Centro Juvenil de Artes, Ciência e Cultura de Vitória da Conquista, como também para a Universidade Estadual do Sudoeste (UESB), dirigidos a eventos da área de extensão.

Ele ainda ressaltou que o deputado Waldenor está destinando recursos para evento científico “tipo Campus Party”, em Vitória da Conquista, para reunir os agentes institucionais e sociais envolvidos no setor. “Vale destacar que Vitória da Conquista é um importante polo nesta área, porque além da UESB, UFBA e Instituto Federal de Educação, a cidade conta com outras seis instituições de Ensino Superior particulares que a tornam um grande centro universitário, se constituindo num campo fértil para alavancar inovações tecnológicas”, defendeu Zé Raimundo.

Jornal do Sudoeste

Categorias
Scroll To Top